28 Congresso
São João del Rei e Região

Vereadores votam escola em tempo integral

Por: Gazeta de São João del Rei 07/04/2018 0:03

A Câmara Municipal de São João aprovou por unanimidade, em dois turnos, o Projeto de Lei nº 7182 do Executivo sobre a criação do programa municipal Escolas em Tempo Integral. A votação em primeiro turno aconteceu em sessão ordinária na última terça-feira, 3.
Durante a apresentação do projeto, os vereadores presentes fizeram questão de mostrar sua opinião quanto a iniciativa, além de afirmarem sobre a importância da educação para a consolidação de uma sociedade.
O presidente da Casa, Igor Sandim (PSDB), em entrevista ao jornal Gazeta de São João del-Rei, destacou a importância do projeto. “O projeto será muito bom para os jovens, pois terão uma carga horária maior podendo ampliar o aprendizado deles em outras áreas como a tecnológica. Sempre apoiei a escola em tempo integral para dar mais oportunidade de conhecimento para os adolescentes e no futuro mais chances para eles na vida. O estudo é a base de tudo”, destaca Sandim. O segundo turno da lei foi votado e aprovado por unanimidade, no dia seguinte em sessão extraordinária.

 Vereadores realizaram sessão extraordinária para agilizar votação de projetos de lei - Foto: Gustavo Acácio / Divulgação

Vereadores realizaram sessão extraordinária para agilizar votação de projetos de lei – Foto: Gustavo Acácio / Divulgação

A lei
A organização curricular das escolas participantes do programa irá funcionar de segunda a sexta-feira com quatro horas de duração pela manhã e o mesmo período no turno da tarde. Pela manhã os professores irão desenvolver as disciplinas do currículo básico. A tarde, será destinado às oficinas de enriquecimento curricular, devendo conter, obrigatoriamente, oficinas de reforço de matemática e língua portuguesa.

A equipe do Escolas em Tempo Integral será composta pelo coordenador municipal da Educação Integral, diretores escolares e pelos professores articuladores, mediadores da aprendizagem e facilitadores. O coordenador será nomeado pelo Executivo devendo ser servidor efetivo, com experiência em projetos educacionais, sociais ou culturais de acordo com as necessidades específicas do programa.

Outros projetos
Além do programa Escolas em Tempo Integral, outro ponto que voltou a ser tema de debate na Câmara foi o convênio firmado entre a prefeitura e Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de São João del-Rei (Ascas).

Ainda na pauta foi votado o título de concessão de cidadão são-joanense.

Postado originalmente por: Gazeta de São João del Rei

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: