Estudantes participam de atividades alusivas ao projeto Agente Ambiental Mirim

Da Redação

A prefeitura, por meio da secretaria de Meio Ambiente, está promovendo a 8ª edição do projeto “Agente Ambiental Mirim”, nas nas escolas do município, bem como, na Sala Verde do Bosque Municipal John Kennedy.

As atividades são ministradas pelos educadores Joelson Silvano de Moura e Eliete Abadia Borges. Na manhã desta quinta-feira, 1º de junho, por exemplo, os alunos do 4º ao 6º ano da Escola Estadual Paes de Almeida participaram da abordagem sobre o tema “Uso racional da água e as doenças relacionadas com a transmissão hídrica”.

Nesta sexta-feira, 2, será a vez dos estudantes da Escola Estadual Rainha da Paz. Na ocasião será colocada em pauta a “Gestão dos resíduos sólidos e as doenças transmitidas por vetores”, além de discutir sobre a diferença entre lixão, aterro sanitário e aterro controlado.

De acordo com o educador ambiental Joelson Silvano de Moura, o projeto é dividido em módulos com temas relacionados ao uso da água, o lixo, cidadania, biodiversidade brasileira, interação com o meio ambiente e saúde pública. Assim, a iniciativa busca fazer com que os estudantes reflitam sobre a relação entre o homem e o meio ambiente.

“Junto aos alunos, promovemos debates e buscamos conscientiza-los sobre a importância das questões ambientais e da saúde. Nossa intenção é orientar estas crianças para que elas possam dividir este conhecimento com seus familiares,” disse.

Além das aulas teóricas, os alunos participarão também de atividades práticas. Segundo Joelson Silvano, estão sendo organizadas visitações ao Aterro Sanitário e à Ascamara para que os estudantes possam conhecer o trabalho de reciclagem e a destinação correta de resíduos sólidos.

A primeira edição do projeto foi idealizado pela educadora ambiental Marineusa Aparecida de Oliveira. A ideia surgiu após um curso em Uberlândia, de agentes ambientais, posteriormente foram realizadas atividades relacionadas ao tema na Sala Verde.

Sobre os resultados do projeto, o educador ressaltou que as escolas também têm se envolvido e trabalhando diversos temas, fazendo com que a educação ambiental alcance maior número de pessoas. “Temos colhido bons frutos. Através de atividades simples, plantamos a sementinha ensinando os alunos que estão abertos ao aprendizado e se tornam os novos protetores do meio ambiente,” completou.

Ao término da formação e preparação de crianças e jovens, é realizada a formatura com a certificação e entrega de carteirinhas aos novos agentes ambientais mirins. O educador afirma que as escolas interessadas em participar do projeto podem fazer contato com a equipe da Sala Verde pelo número (34)3690-3085.

Blitz Educativa

A equipe realiza na próxima semana uma ação nas proximidades do Bosque Municipal John Kennedy. Segundo a programação, será promovida uma blitz de trânsito com apoio dos Agentes Ambientais Mirins, no dia 5 de junho. No dia 6, será realizado a troca de materiais recicláveis por materiais escolares. O ponto de coleta também estará nas dependências do Bosque. As ações fazem parte da programação alusiva à Semana do Meio Ambiente.

Semana do Meio Ambiente

Através de uma recomendação da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente, realizada em 1972, em Estocolmo, na Suécia, ficou estabelecido que em 5 de junho é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente. Através do Decreto Federal 86.028, de 27 de maio de 1981, o governo brasileiro também estabeleceu que neste período em todo o território nacional se promovesse a Semana Nacional do Meio Ambiente que tem por finalidade apoiar a participação da comunidade nacional na preservação do patrimônio natural do País.

Postado originalmente por: Gazeta do Triângulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: