Famosos se revoltam com situação das queimadas na Amazônia e fazem pronunciamento

Até grandes nomes internacionais se pronunciaram a respeito do assunto

As queimadas que tomaram conta da Amazônia, foram um dos assuntos mais comentados da semana. A repercussão tomada pelo assunto atingiu as mídias brasileiras, TV’s, rádios e internet. Diversas celebridades fizeram pronunciamentos sobre.

As hastags “PrayForAmazonia”, “iamazonia” e “SOSamazonia”, tomaram conta das redes sócias e ficaram entre as tags e assuntos mais usados e comentados.

As atrizes da TV Globo, Taís Araújo, Alice Wegman e Bruna Marquezine, a apresentadora Fernanda Lima, a ex-modelo Gisele Bündchen, os cantores Luan Santana e Anitta, a digital influencer e cantora Luísa Sonza e o astro do futebol Daniel Alves, são exemplos de famosos que se pronunciaram por meio de vídeos, textos e imagens, com intuito de levar sua mensagem sobre a situação enfrentada pela região a seus seguidores.

Até astros internacionais se pronunciaram em relação as queimadas que atingiram o solo nacional. A estrela internacional Demi Lovato usou suas redes sociais para mostrar sua indignação com o fogo consumindo as florestas da região. A atriz Cara Delevingne publicou fotos do ocorrido. O astro de Hollywood Leonardo Di Caprio, foi um dos que teve o post sobre a situação da Amazônia com maior número de pessoas alcançadas. O post superou a casa dos e milhões de curtidas.

View this post on Instagram

É redonda, gira e está em chamas. Todos já vimos e lemos que a Amazônia está ardendo em chamas e que essa escuridão repentina em São Paulo pode estar relacionada com a pior queimada na região nos últimos cinco anos. De Rondônia chegam relatos de dias seguidos sem o azul do céu no horizonte. O curioso é que ontem mesmo eu, @leandraleal, @thainaduarteoficial e @caiapitanga falávamos sobre a importância da preservação e sobre o fato de as nossas atitudes diárias afetarem o futuro do nosso planeta. Nem sei mais se podemos falar em "futuro", uma vez que já estamos testemunhando as consequências do descuido de nossas ações e políticas públicas ou falta delas. Alguns moradores de São Paulo coletaram um pouco da água da chuva de ontem, pós escuridão, com aparência barrenta e cheiro de queimado. Fico pensando ainda sobre o que pode acontecer com quem está respirando esse ar, o tanto de doenças respiratórias que podem vir em consequência disso, pra começo de conversa… E então, deixa mesmo queimar lá na Amazônia? Não vai acontecer nada sério no mundo se explorarmos desenfreadamente essas matas? Ontem tivemos um pequeno exemplo de que não é bem assim. Já passou da hora de nos importarmos e salvarmos o que ainda nos resta do amanhã. Falar sobre isso é apenas o primeiro passo.

A post shared by Taís Araujo (@taisdeverdade) on

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: