Atlético é eliminado da Copa do Brasil e demite Dudamel

O Atlético demitiu o diretor de futebol Rui Costa, o gerente de futebol Marques e o técnico Rafael Dudamel após a eliminação na noite desta quarta-feira para o Afogados na segunda fase da Copa do Brasil. A decisão do presidente Sérgio Sette Câmara foi anunciada horas depois da derrota, já na madrugada desta quinta.

Também foram demitidos quatro homens de confiança de Dudamel, que chegaram ao clube com ele: o auxiliar Marcos Mathías, o preparador físico Joseph Cañas, o analista de desempenho Rodrigo Piñón e o coach motivacional Jeremias Álvarez.

Rafael Dudamel iniciou oficialmente a curta passagem pelo Atlético em 6 de janeiro, quando desembarcou com festa da torcida no Aeroporto Internacional de Confins, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Portanto, foram apenas 52 dias de trabalho do treinador, que abandonou o sonho de levar a Seleção Venezuelana a uma Copa do Mundo para dirigir o clube alvinegro.

Na Cidade do Galo, acumulou duas eliminações vexatórias. Na última quinta-feira, caiu na primeira fase da Copa Sul-Americana para o Unión-ARG. Nessa quarta, perdeu nos pênaltis para o modesto Afogados na segunda fase da Copa do Brasil após empate por 2 a 2 no tempo regulamentar, em jogo disputado no Estádio Vianão, em Afogados da Ingazeira, interior de Pernambuco.

Em apenas dez partidas sob o comando do venezuelano, o Atlético venceu quatro jogos, empatou outros quatro e perdeu dois, um aproveitamento de 53,33% dos pontos disputados. A equipe marcou 13 gols e sofreu oito.

Informações Superesportes/www.uai.com.br

Postado originalmente por: Manhuaçu News

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: