Obras do antigo Minha Casa, Minha Vida são retomadas em Manhuaçu

A construção das moradias do antigo programa Minha Casa, Minha Vida, será finalizada neste ano. Agora com o nome de Casa Verde e Amarela, programa do governo federal, foi retomado para a conclusão dos 288 apartamentos. Nesta quinta-feira, 21/01, a prefeita Maria Imaculada Dutra e a Secretária de Trabalho e Desenvolvimento Social, Eleni de Jesus, receberam os diretores da construtora Ilha, Lucas Antônio Brandão e José Agenor Costa, para conversar sobre essa retomada.

O diretor de projetos da construtora, Lucas Antônio Brandão, esclareceu que a empresa fechou o contrato com a Caixa Econômica Federal, em 21 de dezembro de 2020, e que por conta das festas de final de ano e a transição de governo, somente agora no início deste ano foi iniciado o processo de levantamento das condições da obra e limpeza do local. “Dia 4 de janeiro já assumimos o empreendimento, começou a mobilizar, fazer a limpeza. Nossa perspectiva de execução de obra é finaliza-la no máximo até setembro e legalizá-la para entrega no máximo até o final do ano. O cronograma físico e financeiro da Caixa são oito meses, então ele começa a contar a partir do dia 21 de dezembro, então já está um pouco atrasado por conta da assinatura do contrato logo no fim do ano, mas a expectativa é melhor possível. A Ilha junto com a Caixa se compromete em entregar a obra dentro desse ano para a prefeitura e para a população”, conta o diretor.

Lucas ainda conta que será preciso refazer e readequar os projetos de execução das obras para que se adaptem as normas e especificações técnicas atuais. “O projeto passou na mão de duas construtoras, ele foi idealizado para ser um projeto de mercado, depois ele foi adaptado para uma construtora para ser um projeto do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’ faixa 1 e essa construtora nesse meio tempo, acabou que abandonando, paralisou a obra e hoje a gente pegou um empreendimento já algum tempo parado, com muito serviço danificado e alguns serviços mal executados, alguns vícios construtivos, que terão que ser revistos, refeitos, corrigidos, de acordo com as normas vigentes”.

O diretor também conta que a empresa já pegou outras obras do programa que foram abandonadas por construtoras, mas agradeceu a disponibilidade da prefeita Imaculada em recebê-los e a parceria da Prefeitura em agilizar os processos de regularização para que as casa sejam entregues as família. “Eu queria agradecer a parceria da Prefeitura de Manhuaçu, que demonstrou o interesse de estar entregando essa obra, disponibilizando uma equipe para poder ajudar a gente a resolver essa parte dos projetos. A gente já parte daqui hoje com uma expectativa muito boa, porque quando a gente tem esse apoio do poder público municipal e o comprometimento de regularizar a obra enquanto a gente executa lá em campo, isso é muito importante para empresa e para o programa”.

A Secretária de Trabalho e Desenvolvimento Social, Eleni de Jesus, diz que será preciso fazer uma revisão dos cadastros das famílias que foram beneficiadas pelo programa. “Eu tenho em meu coração a imensa alegria de estar nesse projeto e podendo dizer que nós vamos fazer o possível para colaborar em todos os aspectos para entregar, no caso agora Casa Verde e Amarela. Vamos começar a revisão dos cadastros das famílias, o programa, os documentos, vamos ter que visita-las, vamos ver como vai ficar esta situação agora. Dentro de toda essa expectativa, nós queremos abraçar as famílias, levar elas para visitar o local e crendo que conseguiremos fazer o melhor possível para estas famílias”.

Comemoração

A Prefeita Maria Imaculada destaca que a retomada das obras é muito importante e que espera entregar estas casas ainda este ano. “Durante todo o processo eleitoral, eu deixei claro para população que nós íamos correr atrás e fazer o possível para sanar esse problema. Hoje pela manhã, nós recebemos aqui o pessoal da construtora que retomaram as negociações dessa obra no final do ano passado e hoje eles vieram para encontrar com a gente para passar alguns ajustes com relação a parceria com o município para que possa agilizar a obra. É um momento importante para Manhuaçu essa retomada das obras e se Deus quiser, até o final do ano, essas casas vão ser entregues para a população de Manhuaçu. É triste, porque já tem 12 anos, começou em 2009, até hoje essa situação, passa governo e entra governo, infelizmente o problema não tinha sido resolvido. Mas pelo o que conversamos agora com a empresa, ela já pegou para finalizar e se Deus quiser, no final do ano essas casas estarão entregues”.

Ainda segundo a Prefeita Maria Imaculada, o município irá buscar novas unidades do programa Casa Verde e Amarela para diminuir o déficit de moradia em Manhuaçu. “Nós já temos que começar a correr atrás de outros projetos, agora não mais Minha Casa, Minha Vida e sim Casa Verde e Amarela, para ver se conseguimos mais, porque nós temos uma demanda muito grande em Manhuaçu e sabemos que essas 288 unidades, vai atender uma pequena parcela daqueles que realmente precisam, que vem em busca há anos desse sonho, que é a casa própria”.

Secretaria Municipal de Comunicação de Manhuaçu

Postado originalmente por: Manhuaçu News

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: