40 municípios que fazem parte da Amams decretaram situação de emergência em saúde pública

Quarenta prefeituras que fazem parte da Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams) decretaram situação de emergência em saúde pública em decorrência do novo coronavírus. As informações foram divulgados na última terça-feira (17).

Desta forma, medidas para prevenção e combate a doença serão tomadas com mais agilidade. Com a ação, medicamentos serão comprados, novos funcionários poderão ser contratados, sem a necessidade de licitações.

O decreto também determina a suspensão de eventos e aulas, por causa da aglomeração de pessoas. Outra medida é a criação de gabinetes de crise para monitorar, evitar e controlar o vírus.

Dos municípios que decretaram emergência em saúde pública, apenas Pirapora, Joaquim Felício e Montes Claros possuem casos suspeitos da doença, se levado em consideração o o último boletim da Secretaria de Estado de Saúde, divulgado nessa terça-feira.

Os quarenta municípios que aderiram ao decreto são: Padre Carvalho, Pedras de Maria da Cruz, Pirapora, Porteirinha, São Francisco, São João da Lagoa, São João do Pacuí, São Romão, Taiobeiras, Ubaí, Verdelândia, Berizal, Bocaiuva, Bonito de Minas, Brasília de Minas, Buenópolis, Claro dos Poções, Cônego Marinho, Coração de Jesus, Curral de Dentro, Espinosa, Felixlândia, Francisco Dumont, Grão Mogol, Guaraciama, Ibiaí, Icaraí de Minas, Itacambira, Janaúba, Januária, Japonvar, Joaquim Felício, Josenópolis, Juramento, Juvenília, Lagoa dos Patos, Monte Azul, Montes Claros, Ninheira e Olhos d’Água.

Anexos para downloads:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: