Polícia Federal cumpre mandados contra adulteração de álcool gel em cidades mineiras

Policiais Federais de Porto Alegre identificaram a fraude e iniciaram a investigação

A Polícia Federal (PF) cumpre, nesta terça-feira (1º), quatro mandados de busca e apreensão contra fornecedores de álcool gel que não cumprem exigências medicinais. A ação está sendo realizada em Belo Horizonte e em São José da Lapa, na região Metropolitana.

As investigações iniciaram em agosto na cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Na época, a PF identificou que o álcool gel adquirido para a corporação não estava em acordo com as exigências medicinais.

Devido às sedes estarem localizadas em duas cidades mineiras, policiais do estado estão responsáveis pela ação. O produto possui especificações técnicas no rótulo diferentes da eficácia prometida.

A 35ª Vara Criminal da Justiça Federal em Belo Horizonte expediu os mandados. A ação está sendo feita pela polícia em conjunto com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a Vigilância Sanitária da Prefeitura de Belo Horizonte (Visa).

Com as irregularidades comprovadas, os suspeitos podem responder pelos crimes de estelionato, com 7 anos de detenção, além de crime de falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais, com 15 anos de reclusão.

 

Anexos para downloads:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: