“São quase R$ 100 milhões que já estão sendo emprestados para micro e pequenos empreendedores de Minas Gerais”, afirma presidente da Fiemg

A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) lançou, recentemente, o programa “Estímulo 2020”, que tem como objetivo fornecer crédito para micro e pequenas que estão passando por dificuldades durante a pandemia do novo coronavírus.

“São quase R$ 100 milhões que já estão sendo emprestados para micro e pequenos empreendedores de Minas Gerais que estão sofrendo durante a pandemia com dificuldade de crédito. Dessa maneira, temos certeza que estamos dando nossa dose de contribuição para a recuperação da economia no Brasil e para manutenção dos empregos,” explicou o presidente da Fiemg, Flavio Roscoe.

De acordo com o programa, pelo menos 60 mil empregos formais deverão ser salvos, já que com o crédito o empresário não ficará inadimplemento e nem precisará demitir seus funcionários.

Os interessados em aderir ao programa terão taxa de juros de 4% ao ano com 90 dias de carência e 15 meses para pagar. Para isso, é necessário atender alguns requisitos como ter CNPJ ativo há pelo menos dois anos, ter receita mensal entre R$ 30 mil e 165 mil, bom histórico de crédito e pagamento de contas em dia e operar no setor de serviços e comércio. O processo é todo realizado pelo site.

O “Estímulo 2020” vai atender dez cidades mineiras

O programa vai atender 10 cidades mineiras, sendo Belo Horizonte, Contagem, Betim, Nova Lima, Sete Lagoas, Ribeirão das Neves, Santa Luzia, Vespasiano, Itabirito e Itaúna. Já em São Paulo, podem aderir ao “Estímulo 2020” empresários da capital, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Osasco e Guarulhos.

Anexos para downloads:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: