Epamig oferece dez cursos na 91ª Semana do Fazendeiro

Cursos estão concentrados nas áreas de bovinocultura, cafeicultura, hortaliças, flores comestíveis e processamento de alimentos. Para se inscrever é necessário acessar o site do evento

A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), vinculada à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), estará presente na 91ª edição da Semana do Fazendeiro, evento realizado pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) a partir do dia 12 de julho. No total, pesquisadores da Epamig vão ministrar dez cursos nas áreas de bovinocultura, cafeicultura, hortaliças, flores comestíveis e processamento de alimentos. Interessados em participar e se inscrever deverão acessaro site da Semana do Fazendeiro.

O tema da Semana do Fazendeiro deste ano é “Novos tempos: reconstruindo saberes e ações”. Devido às medidas de restrição necessárias ao enfrentamento da pandemia de Covid-19, o evento será realizado de forma on-line. Segundo a Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PEC) da UFV, a Universidade e as instituições parceiras estão se preparando para realizar a Semana do Fazendeiro com a mesma qualidade das edições presenciais.

Bovinocultura

O pesquisador da Epamig Daniel Sobreira será responsável por ministrar dois cursos na área de bovinocultura na terça-feira (13/7), um às 14h e outro às 18h30. O primeiro curso vai abordar o diagnóstico e o controle da tripanossomose bovina, doença que cresce cada vez mais em todo o país e acomete rebanhos de leite e de corte.

Já o segundo curso vai falar da situação atual e das perspectivas para vacina contra carrapatos em bovinos. O pesquisador fará um breve histórico sobre as vacinas contra carrapatos, os principais métodos de controle e a importância de medidas auxiliares. Além disso, Sobreira vai relatar experiências com a Gavac, vacina cubana disponível no mercado, comentar o desenvolvimento de novas vacinas e as perspectivas para usos em larga escala.

Cafeicultura

A pesquisadora da Epamig Waldênia de Melo Moura vai ministrar um curso sobre produção de mudas de café orgânico na quarta-feira (14/7), às 8h. A ementa do curso contempla a escolha de locais para instalação de viveiros de mudas orgânicas, modos de preparo de substratos, seleção e transporte de mudas.

Hortaliças

Interessados no cultivo de hortaliças poderão participar de três cursos ministrados por profissionais da Epamig. A pesquisadora Wânia Neves vai falar sobre manejo de doenças em hortaliças no próximo dia 19 de julho, às 8h; e sobre cultivo de hortaliças em pequenos espaços, no mesmo dia, às 14h.

Os modos de cultivo em pequenos espaços oferecem possibilidades de produção de alimentos e geração de renda extra para uma série de famílias em Minas Gerais. Nos cursos, além do cultivo de hortaliças, Wânia vai abordar os tratos com plantas medicinais, aromáticas e ornamentais.

Também no dia 19, às 10h, a pesquisadora da Epamig Maria Regina de Miranda vai ministrar um curso sobre hortaliças não convencionais, com ênfase no ora-pro-nobis, planta nativa do Brasil ainda pouco conhecida pela população, embora seja encontrada do Sul ao Nordeste do país.

Flores comestíveis

A pesquisadora da Epamig Izabel Cristina dos Santos será responsável por ministrar um curso sobre flores comestíveis. O curso será oferecido também no próximo dia 19 de julho, às 14h.

De acordo com Izabel, suas falas serão pautadas no que de mais importante o público precisa saber sobre flores comestíveis. A pesquisadora vai falar sobre cuidados no consumo, identificação correta das espécies, conservação pós-colheita, sistema de produção, pragas e as plantas tóxicas mais comuns no Brasil.

Processamento de alimentos

Neste ano, na Semana do Fazendeiro, a Epamig vai ofertar ainda três cursos sobre processamento de alimentos na área de queijos. Na terça-feira (13/7), às 18h30, o pesquisador Paulo Henrique Paiva vai conduzir uma conversa sobre higienização de unidades produtoras de queijos artesanais. Além disso, o curso vai contemplar a avaliação da eficiência de procedimentos em queijarias e os custos de produção.

Já na quinta-feira (15/7), às 18h30, a pesquisadora da Epamig Denise Sobral vai falar sobre princípios básicos da fabricação de queijos. De acordo com Denise, o curso vai abordar todas as etapas de fabricação de queijos, desde a qualidade do leite até a maturação do produto.

No dia 19, às 8h, a pesquisadora Valdeane Cerqueira vai ministrar um curso sobre boas práticas agropecuárias na produção de queijos artesanais. Entre os temas que serão abordados estão os aspectos legais, os perigos associados à produção e ao processamento de leite, a saúde dos trabalhadores, a higiene, o controle da matéria prima e do fluxo de produção, manuais, procedimentos, auditorias e fiscalizações.

Ascom/Epamig

 

%d blogueiros gostam disto: