Policial rodoviário salva bebê que havia engasgado em Governador Valadares

O policial usou a manobra de Heimlich para salvar o bebê que havia engasgado

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) salvaram um bebê de 2 meses de idade que havia engasgado e não estava mais respirando nessa terça-feira (6). A ocorrência foi registrada na BR-381 em Governador Valadares, no Vale do Rio Doce.

Segundo a polícia, os pais da recém-nascida foram até o local e pediram ajuda aos agentes. Em seguida, um dos policiais pegou a bebê, a virou de bruço e começou a realizar procedimento para desobstruir as vias áreas e reanimá-la. Após algum tempo, ela voltou a respirar e chorar.

Logo após, os agentes deslocaram a família dentro de uma viatura até a UPA do Hospital Bom Samaritano. A criança ainda apresentava dificuldades para respirar.

Ao chegar à unidade, uma equipe de profissionais de saúde levou o bebê para atendimento médico especializado.

Para salvar a criança, pais levaram o bebê que havia engasgado até agentes da PRF/ Divulgação/PRF
Manobra de Heimlich

Durante o salvamento, a polícia usou a manobra de Heimlich, que é uma técnica de primeiros socorros utilizada em casos de emergência por asfixia, provocada por algo que fique entalado nas vias respiratórias.

“No caso de bebê que sofra engasgamento com algum objeto ou alimento, que o impeça de respirar, o primeiro passo é deitar a criança sobre o braço com a cabeça um pouco mais baixa que o tronco e observar se existe algum objeto em sua boca que possa ser removido”, orientou a corporação.

Caso a criança permaneça sem respirar é preciso incliná-la com a barriga sobre o braço, com o tronco mais baixo que as pernas, e dar cinco leves palmadas com a base da mão nas suas costas. “Se ainda assim não for suficiente, deve-se virar a criança de frente, ainda sobre o braço, e efetuar compressões com os dedos médio e anular sobre o tórax da criança, na região entre os mamilos”, acrescentou.

 

 

formatura do filho

Anexos para downloads:

%d blogueiros gostam disto: