Cerca de 25 presos do presídio Floramar receberão o benefício da saída temporária no Natal

Todo final de ano alguns detentos recebem o benefício de saída temporária dos presídios. Os saidões como são popularmente conhecidos estão fundamentados na lei de execução penal.

No final de ano alguns presos possuem o direito de algumas saídas temporárias dos presídios, o benefício que é garantido pela lei 7.201 de 84 está fundamentada na lei de execução penal.No presídio Floramar 25 presos receberão esse benefício.

A lei deixa algumas pessoas revoltadas, mas segundo este delegado é algo necessário para a reintegração do preso à sociedade e para aliviar os gastos públicos.

O presídio Floramar tem uma capacidade para 277 presos, mas atualmente está com mais de 700. Os últimos dados do presídio mostram que o número de presidiários que não retornam é algo mínimo, pois eles já estão próximos de cumprir toda a pena. Ainda segundo o delegado Marcelo Nunes o atual código penal brasileiro precisa de mudanças.

Postado originalmente por: Portal MPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: