MG: Dono de bar não gosta de companhia de burro e mata cliente

Era para ter sido apenas mais uma noite comum no distrito de Jequeri, na Zona da Mata, mas um crime inusitado neste domingo (19) movimentou a noite do local.

Um homem, de 51 anos, teria ido a um bar da região usando um burro como “meio de transporte”, porém, o dono do estabelecimento, de 37 anos, se ofendeu com a presença do animal.

De acordo com a Polícia Militar da cidade, testemunhas que estavam no bar disseram que, quando o homem chegou montado no burro, o proprietário, com um taco de sinuca em mãos teria dito “você não vem fazer gracinha na frente do meu bar, não”.

Ainda, segundo o que testemunhas disseram à PM, o homem desceu do animal, entrou no bar e lá dentro os dois teria começado uma discussão. Na briga, o dono do bar teria agredido o homem com uma facada no tórax. Apesar de ter sido socorrido, o homem não resistiu ao ferimento e morreu.

Conforme a PM, o agressor, depois da briga, teria ido até em casa, informado à mulher o acontecido e fugido do local. Até o momento, o dono do bar não foi localizado.

 

Reportagem de Raquel Penaforte para o Jornal “O tempo”

 

Postado originalmente por: Portal MPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: