Oliveira: dono de casa de prostituição foi assassinado a mando do concorrente

O dono de uma casa de prostituição da cidade Oliveira, no Centro-Oeste do Estado, foi assassinado no início de fevereiro deste ano a mando de um concorrente. A Polícia Civil (PC) prendeu nesta segunda-feira (10) o proprietário de um outro prostíbulo da cidade, de 26 anos. Na época do crime, a informação divulgada era de que Valdir de Oliveira, de 57 anos, havia sido morto após uma discussão com um cliente, preso em flagrante no dia.

O delegado Alex Araújo Soares, responsável pela investigação, explica que ainda não se sabe o que motivou o crime, mas que, ao que tudo indica, foi basicamente a concorrência pelo público do município. “Eles são concorrentes, cada um tinha uma casa de prostituição e tinham essa rixa. No ano passado, o Valdir já havia sofrido uma outra tentativa de homicídio e suspeitamos que o mandante também seja esse rapaz. Na época ele não quis denunciar, talvez por medo”, afirmou o policial. 

O rapaz preso nesta segunda pela corporação nega que seja o mandante do crime, porém, as contradições em seus depoimentos levaram o delegado a pedir sua prisão na Justiça. “O autor da execução, preso no dia do crime, também não falou quem seria o mandante, mas amanhã (quarta-feira) vamos fazer uma acareação com os dois juntos”, completou Soares.

O assassinato aconteceu no dia 2 de fevereiro deste ano, sendo que o autor, de 34 anos, contou à Polícia Militar (PM) que, após um desentendimento com a vítima no dia anterior, Valdir teria falado que não venderia mais cerveja para ele. Revoltado com o fato, ele teria retornado no dia seguinte armado. O primeiro disparo teria falhado, sendo que a vítima chegou a sacar uma arma e acertou o braço do autor, mas acabou morrendo ao ser atingida por vários tiros. 

Postado originalmente por: Portal MPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: