Pacientes da UPA reclamam que presos causaram arruaça no local

Pacientes da UPA, no bairro Ponte Funda, procuraram nossa equipe de reportagem relatando diversas importunações que sofreram ao longo da tarde de ontem (10).

Testemunhas afirmaram que dois jovens que se encontravam algemados e detidos pela Polícia Militar fizeram uma série de tumultos na ala de atendimento.

Segundo relatos, os homens apresentavam sinais de alteração, como se tivessem feito uso de drogas.

“Eles chegaram xingando, falando palavrões, gritando e fazendo ameaças. Nós ficamos com medo”, relatou um senhor de 58 anos.

“Eles passaram na frente de pacientes que estavam esperando por atendimento médico. Foram atendidos prioritariamente em detrimento de trabalhadores que estavam no local. Eles gritaram contra nós e contra os funcionários fazendo ameaças”, falou uma senhora de 62 anos que estava no local e prefere não se identificar.

Prisão

O fato ocorreu em consequência de uma ocorrência policial envolvendo a prisão de uma dupla acusada de desobediência, desacato, ameaça de morte e direção sob influência de álcool em Divinópolis. O fato fora registrado pelo Sistema MPA de Comunicação

UPA

Funcionários da UPA são obrigados a seguir o que determina a lei. Pacientes que chegam sob condução de viaturas da Polícia Militar devem ser atendidos prioritariamente.

 

O post Pacientes da UPA reclamam que presos causaram arruaça no local apareceu primeiro em Portal MPA.

Postado originalmente por: Portal MPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: