Rascunhos da Vida: Alguém que me aqueça…

Momentos nostálgicos às vezes nos atingem. Queremos ver as TVs de tubo, os Videogames de até 16bits, as músicas dos anos 90, 80, 70 e até mais antigas.

I Reis 1.1-4

Foto de arquivo pessoal

Eu adoro boa música, ultimamente tenho pouco a dizer do que tem sido composto e do que tem sido cantado. É claro, que música antiga não quer dizer boa música. Existem algumas letras de músicas antigas que são perturbadoras. Muitas de duplo sentido, especialmente algumas na moda caipira.

Eu era menino e durante a Festa do Jubileu do Senhor Bom Jesus em Pedra do Indaiá, eu ouvia uma música que dizia “só capim canela”, mas que na forma cantada dava duplo entendimento. Quando os “Mamonas Assassinas” fizeram sucesso suas com letras totalmente libertinas como “Lá vem o Alemão”, ou “Vira-vira”.

Há dois dias eu parei minha caminhonete no semáforo e ouvi o carro do lado tocando Roberto Carlos, reconheci pelo refrão “só quero que você me aqueça neste inverno”. Hoje quando acordei e li o texto de I Reis capítulo 1, me lembrei da frase do “Rei Roberto”. Davi o grande rei de Israel estava com a idade extremamente avançada, tinha um a debilidade em manter o calor corpóreo. Alguém sugeriu, arrumemos uma donzela (em hebraico bethûlāh uma virgem) para aquecer o rei em seu seio.

O texto fala que a moça de nome Abisague era muito formosa, uma sunamita. Uma jovem com espírito amoroso, pois as escrituras afirmam que ela “tinha cuidado do rei” uma expressão hebraica que demonstra carinho, respeito e cuidado fraterno. A jovem tratava o Rei como a um pai. E o texto revela que Davi não a conheceu. Acredito que Davi ainda tivesse virilidade, pois senão a bíblia diria “não podia conhecê-la”, mas ela relata que ele não a conheceu, ou seja, tratou-a com o mesmo respeito que recebera dela.

O envolvimento de respeito mútuo tanto entre o casal como entre pessoas que tem um amor mútuo deve ser sempre mantido. No caso do casal, pode haver um momento em que o ato sexual não aconteça mais, mas nem por isso o envolvimento afetivo deve ser prejudicado. Entre amigos a diversidade de pensamentos não pode separar a verdadeira amizade. Pelo contrário, bons amigos são divergentes em pensamentos mas concordantes em amor.

Pense nisso, será que você precisa de alguém que lhe “aqueça neste inverno, verão, outono ou primavera”? Precisa de alguém que demonstre respeito, amor e afetividade para com você? Você precisa de alguém que cuide de você? Quero te dizer, se todos os homens ao seu redor falharem Jesus nunca falhará, pois ele é o mesmo ontem, hoje e o será para todo o sempre.

Um grande e forte abraço!
Nos eternos laços do amor de Cristo.

Rodrigo Fonseca Andrade
Um servo que é aquecido fisicamente e espiritualmente.

O post Rascunhos da Vida: Alguém que me aqueça… apareceu primeiro em Portal MPA.

Postado originalmente por: Portal MPA

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: