Temer começa a tirar cargos de deputados ‘traidores’; Jaime Martins estaria na lista do Presidente

Uma reportagem publicada pelo Estadão e divulgada pelo portal UOL na última segunda-feira (30) trouxe a informação sobre possíveis “punições” do presidente Michel Temer (PMDB) aos deputados que votaram contra ele na segunda denúncia. Oito deputados foram considerados traidores na semana passada.

Entre os deputados que apoiaram Temer na primeira denúncia e votaram pelo prosseguimento da segunda denúncia na semana passada, está o deputado federal Jaime Martins (PSD-MG). De acordo com a publicação do Estadão, Temer deve exonerar os afilhados políticos de Jaime no Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. A reportagem entrou em contato com a assessoria do Deputado, sendo informada que o parlamentar “não vai repercutir a especulação”.

Como “punição”, Temer exonerou na segunda-feira (30), o diretor de Gestão Interna da Embratur, Tufi Michreff Neto, apadrinhado do deputado Mauro Mariani (PMDB-SC). A portaria foi publicada no Diário Oficial da União. As exonerações, num primeiro momento, devem se concentrar nos apadrinhados desses deputados, e alcançar seis cargos no segundo e terceiro escalões do governo. Além de Jaime e Mariani, integram a lista de “traidores” do Planalto os deputados Abel Mesquita (DEM-RR), Cícero Almeira (PODE-AL), Delegado Éder Mauro (PSDPA), Heuler Cruvinel (PSD-GO), João Paulo Kleinübing (PSD-SC) e João Campos (PRB-GO).

A votação

Na semana passada, a Câmara rejeitou por 251 votos a 233 a denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República contra Temer e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência). Os três eram acusados de fazer parte de uma organização criminosa que desviava recursos públicos. O presidente também foi acusado de obstrução de Justiça.

Com Estadão Conteúdo/UOL

Postado originalmente por: Portal MPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: