Coronavírus: governo prevê novo adiamento do pico da pandemia em Minas

O pico da pandemia de coronavírus em Minas Gerais continua sendo adiada e o governo do Estado entende que ele será no dia 8 de junho. A última estimativa era para o dia 6 de junho. A diminuição de tempo até o pico é menor do que já foi notado anteriormente: em meados de abril houve uma semana em que o pico foi adiado 20 dias.

O secretário de Saúde, Carlos Eduardo Amaral em coletiva de imprensa na manhã de segunda-feira,11, explicou que o adiamento deve-se em grande parte ao isolamento social. Ele continua diminuindo, de acordo com Amaral, que afirmou que o Dia das Mães representou mais uma queda. O secretário não precisou a porcentagem exata do afrouxamento que foi notado.  As datas são modificadas semanalmente pela Secretaria de Estado de Saúde (SES). Amaral acrescenta “nem 0,5% da população de Minas estão contaminadas”.

O boletim mais recente da SES, Publicado nesta segunda, 11, aponta 3.320 casos confirmados de Covid-19 no Estado, enquanto quase outros 100 mil casos estão sendo investigados.

De acordo com Amaral, todos os casos graves que levaram a internação, e de profissionais de saúde entre esse volume são testados, e a porcentagem de resultados positivos nesse grupo testado, conforme dados dos laboratórios sob cuidados da Fundação Ezequiel Dias (Funed), chega a 4,5%.

O post Coronavírus: governo prevê novo adiamento do pico da pandemia em Minas apareceu primeiro em .

Postado originalmente por: Portal Onda Sul – Carmo do Rio Claro

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: