ELÓI MENDES | Clínica é interditada por maus-tratos e 41 internos testam positivo para Covid-19

Na última terça-feira, 29, uma ação em conjunta do Ministério público, Polícia Civil e Vigilância Sanitária, interditaram uma clínica de reabilitação localizada em Elói Mendes, onde pacientes sofriam maus-tratos.

Segundo a polícia, além de celas e grades em quartos, pacientes foram encontrados fechados em um cômodo. Ainda de acordo com a polícia, 63 pacientes foram resgatados. Eles passaram por exame de Covid-19, onde 41 pacientes foram positivados com a doença. De acordo com a prefeitura, que a maioria deles está assintomático.

A prefeitura do município, disse que a clínica é particular e que depois de uma denúncia, ela começou ser monitorada. Havia um decisão judicial desde de abril, para que ela fosse fechada.

Uma clínica de reabilitação foi interditada em Elói Mendes durante a ação conjunta do Ministério Público, da Polícia Civil e da Vigilância Sanitária realizada nesta terça-feira (29). Os órgãos públicos encontraram pacientes trancados em um cômodo, além de celas e grades em quartos do local. Os pacientes realizaram exames da Covid-19 e 41 testaram positivo.

De acordo com a Polícia Civil e a assessoria da Prefeitura de Elói Mendes, a clínica é particular e era monitorada desde abril deste ano, após uma denúncia de possíveis maus-tratos. Havia uma decisão judicial desde 28 de abril para que ela fosse fechada.

Ainda de acordo com a prefeitura, os internos foram encaminhados para a Secretaria de Assistência Social, antes de serem levados aos familiares. Um dos internos que tem deficiência, foi encaminhado para outra clínica de reabilitação.

O post ELÓI MENDES | Clínica é interditada por maus-tratos e 41 internos testam positivo para Covid-19 apareceu primeiro em .

Postado originalmente por: Portal Onda Sul – Carmo do Rio Claro

%d blogueiros gostam disto: