Projeto de taxa de lixo foi tema de reunião polêmica na Câmara

Na tarde dessa quinta-feira (15), o presidente da ReciCarmo fez o uso da tribuna para pedir ajuda dos vereadores para poderem pensar antes de votar o projeto de lei para que não seja afetado a associação, que hoje conta com 24 famílias que retiram o sustento através da ReciCarmo. Ainda na fala, o presidente ressaltou que o serviço que a Recicarmo faz é pego como exemplo para várias cidades da região.

O vereador Lucas Carielo disse que com o projeto, não haverá aumento nas taxas e caso aconteça a aprovação do mesmo, a população não irá pagar uma taxa maior de lixo, que de acordo com ele, já é existente no município. Ainda segundo o Edil, o projeto é somente para a troca da taxa, acontecendo a troca da de lixo para a taxa de resíduos sólidos.

Postado originalmente por: Portal Onda Sul – Carmo do Rio Claro

%d blogueiros gostam disto: