Dez são presos suspeitos de pedofilia em Minas; um médico filmava pacientes durante exames

Dez pessoas foram presas em flagrante por armazenamento e compartilhamento de conteúdo pornográfico, envolvendo crianças e adolescentes, na manhã desta quarta-feira (31), na capital, em Nova Lima e Betim, na Grande BH; Ipatinga, no Vale do Aço; e Barbacena, no Campo das Vertentes.
Dentre os presos está um médico de 36 anos, que realizava filmagens de pacientes durante exames como ultrassons. O suspeito também possuía filmagens de cenas de sexo dele com adolescentes, registradas na própria residência.
A operação “Infância Reavida”, realizada pela Polícia Civil em parceria com a Polícia Militar, monitorava computadores que faziam troca de arquivos contendo pedofilia. Ao todo, 14 mandados de busca e apreensão foram realizados.
“O material é vasto e ainda está sendo analisado, mas já sabemos que pelo menos 33 mil imagens com pedofilia foram compartilhadas”, afirmou a delegada da Polícia Civil responsável pela investigação, Isabella Franco Oliveira.

Postado originalmente por: Portal Sete

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: