Minas registra 82 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas

Balanço publicado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) na manhã deste sábado (19) indica que Minas já tem 6.656 mortes pela Covid-19

Balanços diários da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) indicam que a pandemia do novo coronavírus está longe de dar trégua a Minas Gerais. Estatísticas contidas no relatório deste sábado (19) indicam que a confirmação de 82 mortes relacionadas a complicações ligadas à infecção apenas entre sexta-feira (18) e esta manhã, o equivalente a uma média superior a três mortes a cada hora transcorrida neste curto período de tempo.

Frente este aumento subiu para 6.656 o número de óbitos cuja causa é o coronavírus no Estado de Minas Gerais. Estima-se que o pico da pandemia tenha começado em julho, e, há exatos dois meses, o número de mortes pela doença era 1.982 na região – o dado aponta que em uma média de 60 dias, 4.674 notificações de mortes chegaram à Secretaria de Saúde, cerca de 194 mineiros mortos por dia no período.

Aumento semelhante é percebido em relação a quantidade de diagnósticos de Covid-19 em Minas Gerais neste mesmo período de tempo. Até 19 de julho houve confirmação de 92.972 casos da infecção, número que chegou a 268.009 neste sábado (19). Trata-se, portanto, de um aumento superior a 170 mil casos. Apesar do número alarmante, a Secretaria de Estado de Saúde garante que cerca de 233 mil dos casos existentes referem-se a pacientes que já se recuperaram da infecção, enquanto outros cerca de 27.800 estão sob acompanhamento. Aliás, apenas nas últimas 24 horas, o órgão estadual registrou 2.824 novos casos da infecção.

O balanço publicado aos fins de semana pela SES-MG não indica quantidade de moradores infectados por cidade, taxa de letalidade da doença, pedidos de internação ou cidades onde há casos e mortes para a Covid-19. Sabe-se, segundo relatório de sexta-feira (18), que a pandemia chegou a 842 municípios de Minas Gerais. Ou seja, apenas 1,3% das cidades mineiras ainda não têm casos da doença – o que, na prática, representa 11 municípios.

Belo Horizonte

A taxa de transmissão do novo coronavírus em Belo Horizonte, cidade onde há maior quantidade de infectados em Minas Gerais, aumentou nessa sexta-feira (18) e está em torno de 0,99. O número é próximo do indicador amarelo que requer atenção da população e dos órgãos de saúde quando a taxa alcança 1. Os números referentes à ocupação dos leitos de UTI e enfermaria permanecem estáveis – respectivamente, 44,4% e 38,3%. Até esta sexta, a capital mineira tinha 39.321 infectados e 1.160 moradores mortos pela Covid-19.

 

 

O Tempo

Postado originalmente por: Portal Sete

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: