Morre dom Serafim Fernandes de Araújo aos 95 anos em BH

Velório terá início ainda na tarde desta terça-feira

O cardeal dom Serafim Fernandes de Araújo, da Arquidiocese de Belo Horizonte, morreu aos 95 anos na manhã desta terça-feira (8).

Segundo o Clube Atlético Mineiro, que tinha o arcebispo como conselheiro benemérito da instituição esportiva, o velório terá início ainda na tarde desta terça-feira, na Igreja da Boa Viagem, e durará três dias. O sepultamento acontecerá, assim, apenas na sexta-feira, no mesmo lugar.

 “O arcebispo dom Walmor e os bispos auxiliares, em oração, estão unidos aos familiares, amigos e fiéis para se despedir”, comunicou a Arquidiocese em nota publicada há pouco.

Despedida

Presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, se despediu do cardeal relembrando sua admiração por dom Serafim e o legado por ele traçado ao longo de mais de meio século de dedicação à comunidade de fé.

“O cardeal dom Serafim Fernandes de Araújo é presença admirável no coração do amado povo de Deus. Ao longo de mais de cinquenta anos de dedicação à Arquidiocese de Belo Horizonte, o cardeal deixa um legado de especiais feitos. Sua caminhada missionária fez crescer no coração de cada pessoa, principalmente cristãos católicos de nossa amada Arquidiocese, o amor a Jesus Cristo e à Igreja. Por isso também, no coração de todos estará sempre a gratidão, a admiração e o respeito por dom Serafim”, se emocionou dom Walmor.

A instituição católica também homenageou a trajetória do cardeal e relembrou uma passagem tão simbólica por ele dita em algumas ocasiões. “‘Na palma da mão de Deus’, expressão tão bonita, tão marcante, muitas vezes dita de forma serena por dom Serafim, é o lugar onde hoje o nosso Arcebispo descansa”.

Homenagens

A morte do cardeal gerou comoção entre fiéis e personalidades, muitos foram às redes sociais para homenagear dom Serafim. A Pontíficia Universidade Católica (PUC Minas), onde o arcebispo permaneceu como reitor durante muitos anos, decretou luto oficial de três dias. O governador Romeu Zema e o governo de Minas Gerais publicaram notas de pesar e lamentaram a morte do bispo.

otempo.com.br/

Postado originalmente por: Portal Sete

%d blogueiros gostam disto: