Racismo – o conceito que envergonha o século XXI

Há 14 anos atrás, o Brasil havia vivenciado o primeiro dia nacional da “Consciência Negra”. A data em questão foi estabelecida pelo projeto de lei número 10.639, no dia 9 de janeiro de 2009. A data foi escolhida, pois foi neste dia, 20 de novembro de 1695, que morreu o líder do Quilombo dos Palmares, Zumbi.

A data é de extrema importância pois serve como forma de conscientização e reflexão sobre a existência e importância da população negra, além de tentar evidenciar a importância da cultura africana na formação da cultura nacional.

Ser negro deveria ser sinônimo de alegria, resistência, luta, conquista, cultura, esperança. Deveria ser aprendizado, pois trouxe nova visão sobre os aspectos políticos, sociais, gastronômicos e religiosos do país. Hoje é um dia que as pessoas devem se conscientizar nas escolas, nos espaços culturais e em outros locais, valorizando a cultura afro-brasileira e visando sempre o respeito a toda diversidade.

O racismo no Brasil ainda hoje é muito popular, embora estejamos em pleno século XXI, as pessoas ainda se mostram intolerantes com as origens do próximo. É de fato, um assunto muito problemático, pois, é difícil as pessoas lidarem com as diferenças de outrem, e daí gera violência, discórdia e desunião.

É importante frisar que quando uma pessoa presencia um ato racista e não faz nada em prol da vítima, ela está colaborando indiretamente para que o ato aconteça e volte a se repetir. O racismo se apresenta em diversas situações, seja verbal, gestual, direta ou indiretamente. Quando um cidadão negro é apontado como criminoso, quando um filho de branco não pode estudar na mesma sala de aula que o filho de um negro, quando um negro não é aceito no trabalho pelo tom de sua pele, etc…

As pessoas julgam pelo tom da pele, pelo cabelo, religião, cultura, estilo de roupa, ou tantas outras características, mas as pessoas se esquecem que o Brasil é um país miscigenado, com diversidades, diferenças que fazem o país ser um lugar bonito, em que o respeito deveria ser prioridade e a data em comemoração a “Consciência Negra” é para isso, para pedir o respeito ao próximo, para pedir menos intolerância, menos falta de informação e menos marginalização dos negros, é para pedir o fim de tudo isso que envergonha o século XXI.

Por Giovani Cruz

Postado originalmente por: Portal Sete

5 comentários em “Racismo – o conceito que envergonha o século XXI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: