Funcionária de creche incendiada por vigia morre após um mês internada

A professora auxiliar Geni Oliveira Lopes Martins, de 63 anos, é a 12ª vítima fatal do incêndio provocado pelo segurança de uma creche em Janaúba, no Norte de Minas, no dia 5 de outubro. Ela estava internada no Hospital Municipal João XXIII, em Belo Horizonte, e faleceu na madrugada desta segunda-feira (6).

Além de Geni, a professora Heley Batista, de 43 anos, nove crianças, com idade entre 3 e 5 anos, e Damião Soares dos Santos, de 50, autor do incêndio, também morreram. Outras vítimas permanecem internadas em hospitais de Belo Horizonte e Montes Claros.

De acordo com o delegado de Homicídios de Janaúba, Ricardo Amaral, a investigação está bem adiantada e a polícia aguarda a conclusão dos laudos e das perícias de necropsia e de corpo de delito, que devem ser divulgados nos próximos dias. Segundo ele, o vigia realmente tinha transtornos psicológicos.

Postado originalmente por: Rádio Cidade – Caratinga / MG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: