Anuncie
Caratinga e Região

Maior deslocamento no socorro de vítimas prejudica trabalho do Bombeiro Militar de Caratinga

Por: Rádio Cidade - Caratinga 04/09/2017 18:07

O Jornal da 89 já registrou o posicionamento dos bombeiros voluntários de Ubaporanga e Santa Bárbara do Leste, que reclamam da falta de assistência médica em Caratinga que os obriga a levarem vítimas de acidentes para hospitais mais distantes. Hoje (04) foi a vez do bombeiro militar de Caratinga, Tenente Franco, falar sobre a situação.

De acordo com o tenente, eles já foram informados sobre o fluxo de atendimento definido pelas autoridades de saúde e lamenta ter que recorrer a hospitais fora de Caratinga.

Um dos problemas enfrentados com o caos na saúde é o atendimento das grávidas. Com a maternidade fechada, os bombeiros também irão ajudá-las em algum deslocamento de emergência:

A unidade do Bombeiro Militar de Caratinga conta com 26 socorristas, sendo quatro bombeiros por turno. Devido ao maior tempo gasto no deslocamento para encaminhar as vítimas, algumas ocorrências não poderão ser atendidas:

O bombeiro militar pede a compreensão das pessoas que necessitam de atendimento em caso de atraso no socorro:

De acordo com tenente Franco, mesmo com as dificuldades, não há previsão de reforço do efetivo da unidade de Caratinga:

Tenente Franco espera uma melhora da prestação de socorro com a inauguração da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) neste mês:

Ainda de acordo com o tenente, esta é a primeira vez que ele presencia o fechamento de um hospital onde atua uma guarnição do bombeiro:

O bombeiro militar também registrou o apoio recebido pelos bombeiros de Ubaporanga e Santa Bárbara do Leste no atendimento das ocorrências.

Postado originalmente por: Rádio Cidade – Caratinga / MG

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: