Anuncie
Caratinga e Região

Obra para captar parte do volume d´água do Córrego Rio Preto começa segunda

Por: Rádio Cidade - Caratinga 27/10/2017 18:07

A gerência local da Copasa convidou a imprensa na tarde desta sexta-feira (27) para tirar dúvidas sobre o racionamento de água implementado nesta semana e falar sobre providências que a empresa está tomando para evitar que falte água nas casas e empresas de Caratinga. Neste momento, a vazão do Córrego do Lage é de 116 litros/segundo e o mínimo necessário para sair do racionamento são 130 litros/segundo.

A crise hídrica não é surpresa para a Copasa, nem para a população, uma vez que o regime de chuva vem diminuindo ao longo dos últimos anos e medidas que poderiam evitar o racionamento, por parte da empresa, não foram tomadas. Depois da seca de 2015, que levou a várias semanas de rodízio de abastecimento no município, as cobranças para a construção de reservatórios ou adoção de qualquer outra medida para evitar o racionamento aumentaram.

De acordo com o gerente regional José Augusto Neves, a construção de um barramento em Caratinga ainda não é viável, conforme mostraram os estudos mais recentes.


Por outro lado, o gerente da Copasa informou que a instalação de tubos para captar parte do Córrego do Rio Preto com o objetivo de complementar o volume de água disponível para Caratinga vai começar na próxima semana.

O cronograma de racionamento divulgado pela Copasa determina os períodos de abastecimento dos bairros que foram divididos em três regiões. Há queixas quanto ao cronograma. Alguns moradores alegam que a tabela não tem sido seguida, afirmação que o gerente da Copasa questiona.

José Augusto disse que muitas pessoas que reclamam do cumprimento do cronograma, na verdade, não compreenderam bem a informação repassada.

Questionado sobre o período de desabastecimento, que é de três dias e pode ser considerado longo, José Augusto justificou a necessidade deste intervalo para o funcionamento do esquema.

O término do rodízio de abastecimento depende da chuva que precisa cair em volume suficiente para elevar a vazão do Córrego do Lage para mais de 130litros/segundo.

Postado originalmente por: Rádio Cidade – Caratinga / MG

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: