Prefeitura de Caratinga define protocolo para tratamento domiciliar de pacientes com sintomas leves de Covid

A Prefeitura de Caratinga publicou um protocolo de conduta médica para tratamento de pacientes com sintomas leves de Covid-19, suspeitos e confirmados, que estão em isolamento domiciliar. O documento sugere medicações como hidroxicloroquina, ivermectina, sulfato de zinco, azitromicina, entre outros.

A prescrição para casos sujo sintomas são inespecíficos é diferente, por exemplo, da prescrição para sintomas mais específicos de Covid e, portanto, mais prováveis de terem diagnóstico positivo.

Entre as orientações, o protocolo de conduta para tratamento de pacientes em domicílio prevê que a escolha das drogas dependerá da avaliação do médico e deverá ter o aval do paciente através do termo de consentimento assinado. O procedimento é necessário, porque ainda não há confirmação científica da eficácia e segurança deste protocolo em estudos em humanos.

Os médicos sempre deverão considerar a internação hospitalar quando o paciente possuir comorbidades descompensadas ou graves e idade avançada, mesmo com sintomas leves ou moderados da doença.

Testes

Os exames sorológicos ou de RT-PCR para confirmação diagnóstica continuarão sendo realizados em Caratinga conforme orientação atual: sorologia – IgM e IgG a partir do 8º dia de sintomas e RT-PCR no swab nasal para pacientes com SRAG hospitalizados, preferencialmente até o 5º dia de sintomas.

Postado originalmente por: Rádio Cidade – Caratinga / MG

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: