Arquivo Público prepara programação especial para comemorar aniversário

A Superintendência de Arquivo Público de Uberaba completou 32 anos de história ontem (4) e prepara uma série de atividades em comemoração à data. Dentro da programação especial estão previstas palestras, mesa-redonda com historiadores e pesquisadores, além do lançamento de três E-Books com materiais exclusivos do acervo municipal.
Os eventos serão realizados entre os dias 21 e 31 deste mês. No primeiro encontro, uma mesa-redonda abordará vários temas relacionados à importância do acervo de Uberaba para a pesquisa histórica do município. No dia 22, o assunto tratado será sobre a gestão de documentos digitais.
A programação do dia 30 será marcada pelo lançamento do título inédito “Anais dos Livros de Atas da Câmara Municipal de Uberaba 1857 a 1900 – Século XIX”, o livro em formato digital será apresentado em solenidade no plenário da Câmara Municipal. Outros dois E – Books serão lançados no dia 31, no Blog do AP (http:arquivouberaba.blogspot.com.br) a revista “Memórias – Thomáz de Aquino Prata e a revista Memórias – Nacional Futebol Clube”.
De acordo com a superintendente do Arquivo Público de Uberaba, Marta Zednik, as publicações digitais são extremamente importantes nos dias de hoje pelo baixo custo e um alcance social maior de leitores e pesquisadores.
Fundado em 1985, o Arquivo Público de Uberaba é considerado o maior do interior de Minas Gerais com um acervo documental de 12 mil e 200 caixas, organizado e catalogado. O espaço possui ainda um acervo fotográfico com mais de 67 mil imagens guardadas e equipamentos modernos para digitalização de jornais e documentos históricos.
Zednik ressalta que, por ano, mais de mil e 500 pessoas procuram o local em busca de conhecimento, pesquisa e documentos. A instituição também desenvolve ações educativas junto à rede pública e particular de ensino, com o objetivo de conscientizar os alunos sobre a importância da história de Uberaba e sobre a preservação documental. Atualmente cerca de dois mil alunos participam dos projetos, além de estudantes de universidades que utilizam o AP em pesquisas acadêmicas.

Postado originalmente por: JM Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: