Casa com piscina em condomínio de luxo vira criadouro do Aedes

 

Uma residência que possui piscina foi apontada como criadouro do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika vírus, chikungunya e febre amarela. A casa está localizada na alameda Doutor Eurípedes Cordeiro, bairro Morada das Fontes, e acabou alvo de reclamações de vizinhos nesta semana.

Segundo as queixas, a residência apontada como criadouro do mosquito foi desocupada. “Não tem moradores, está sem manutenção. A pessoa que dava assistência na piscina foi dispensada e a vizinhança está percebendo aumento de mosquitos da dengue”, reclama morador, que pediu para não ser identificado. De acordo com o reclamante, os proprietários são empresários e têm boa estabilidade financeira, mas mesmo assim a residência está gerando transtornos à vizinhança. “É muito descaso, os donos têm boa condição financeira e deixam a situação chegar a esse ponto”, diz, revelando que já pediu pessoalmente a uma pessoa da família, dona do imóvel, para fazer a limpeza, porém não foi atendido.

Em nota, a Prefeitura Municipal de Uberaba (PMU) respondeu que a “demanda foi encaminhada ao Departamento de Posturas, da Secretaria de Defesa Social, para que verifique junto ao proprietário do imóvel, pois os agentes do Departamento de Controle de Endemias e Zoonoses, sem a autorização do proprietário, não podem entrar no imóvel fechado. Portanto, farão uma ação conjunta, no sentido de identificar o proprietário, para que os agentes de endemias possam fazer a visita”, esclarece. Por fim, a PMU pediu que, em caso de dúvidas, denúncias e solicitações sobre possíveis focos de mosquito Aedes aegypti, estas sejam feitas pelo Disque-Dengue, no 3317-4660, ou no telefone 3315-4173, de segunda a sexta, das 8h às 16h.

Postado originalmente por: JM Online – Uberaba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: