Fundação Cultural continua cadastrando artistas para receber auxílio emergencial

Reprodução 

 
Muitos estão ainda sem trabalhar desde o início da pandemia e aguardam para receber o recurso

 

Cadastramento para a renda emergencial continua sendo feito pela Fundação Cultural. No entanto, o pagamento do benefício de R$ 600 para os artistas – pessoas físicas – é de responsabilidade do Estado. Muitos estão ainda sem trabalhar desde o início da pandemia e aguardam para receber o recurso.

De acordo com a presidente da FCU, Jaine Basílio, há situações que não dependem só do município e, segundo ela, todas as informações foram, inclusive, esclarecidas em audiência realizada de forma online. “Muitos artistas estão nos procurando, aguardando receber essa renda. Porém, a Lei Aldir Blanc determina que a verba para pessoa física da cultura será distribuída pelo Estado”, diz.

Segundo ela, para que o cidadão consiga esse benefício é necessário preencher o cadastro da forma mais completa possível. As informações vão fornecer um retrato mais fiel do panorama da cadeia cultural no Estado, e também garantir a transparência do processo. Além disso, a Controladoria-Geral do Estado (CGE) deve contribuir, realizando cruzamento de dados cadastrados com outras bases de dados governamentais.

Já o município deve utilizar os recursos recebidos da União para o subsídio mensal dos espaços culturais e editais. Com isso, os produtores culturais uberabenses que esperam receber verba podem se inscrever pelo site https://culturauberaba.com.br.

Postado originalmente por: JM Online – Uberaba

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: