Hospitais adotam medidas de prevenção e se preparam para aumento de demanda

Por conta da pandemia da coronavírus (Covid-19), diversas medidas têm sido adotadas por hospitais brasileiros. Em Uberaba não é diferente, embora a cidade ainda não tenha qualquer confirmação da doença, apenas dez casos em investigação. Porém, os hospitais já se mobilizam para minimizar a propagação da doença. 

No Hospital de Clínicas (HC) da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), um comitê acompanha, com reuniões diárias, a evolução da doença no país para a adoção de medidas preventivas. Além disso, a superintendente do HC/UFTM, Ana Lúcia Simões, diz que o plano institucional está pronto e segue evidências científicas e orientações do Ministério da Saúde. Segundo ela, as visitas devem ser remodeladas, visando preservar pacientes e trabalhadores, e ações serão tomadas para diminuir o fluxo de pessoas no Ambulatório Maria da Gloria.

O HC/UFTM também prepara capacitação de equipes específicas para atender possíveis pacientes de coronavírus. Ana Lúcia revela ainda que há um projeto que visa ampliar em dez o número de leitos hospitalares, caso seja aprovado pelo Ministério da Saúde. E, caso seja necessário, outras decisões podem ser adotadas, como suspensão de cirurgias eletivas para disponibilizar mais leitos hospitalares. “Estamos acompanhando para que todas as medidas sejam tomadas no momento certo, sem alarde ou pânico”, diz a superintendente, lembrando ainda que a demanda do hospital também é grande até para outras enfermidades.

No Hospital Dr. Hélio Angotti, a primeira medida, em caráter preventivo, foi a suspensão das visitas aos pacientes internados e do trabalho voluntário interno, pelos próximos trinta dias, a partir desta segunda-feira (16). A instituição é referência no atendimento a pacientes oncológicos da cidade e em outros 59 municípios das macrorregiões Triângulo Sul e Noroeste. Além disso, um plano de contingência está sendo estruturado e novas medidas deverão ser anunciadas, segundo a direção do hospital. 

A reportagem também entrou em contato com o Mário Palmério Hospital Universitário e Hospital Maternidade São Domingos, porém não houve retorno sobre o assunto. 

Aeroporto adota medidas preventivas, mantendo o terminal limpo e arejado 

Responsáveis pelo aeroporto de Uberaba estão tomando medidas preventivas para evitar a transmissão do coronavírus (Covid-19), seguindo orientações da Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária).

De acordo com informações obtidas pela reportagem, as portas da sala de embarque estão sendo mantidas abertas, com o ar-condicionado ligado, para que ocorra a circulação de ar. Além disso, limpeza de toda área, abrangendo o saguão e banheiros, está sendo feita com maior frequência, e foi reforçada a disponibilidade de álcool gel por toda a área do aeroporto. Quanto às remarcações e cancelamentos de voos, a orientação é que o passageiro faça contato com sua empresa aérea. 

A Infraero está em contato com o Ministério da Saúde, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e demais órgãos competentes nas esferas federal, estadual e municipal para alinhar as práticas de prevenção ao Covid-19.  

Internautas se mobilizam para pedir cancelamento da ExpoZebu 2020 

Uberabenses se mobilizam virtualmente pedindo o cancelamento da 86ª ExpoZebu. Petição pública recolhe assinaturas pedindo cancelamento do evento, marcado para acontecer entre os dias 25 de abril e 3 de maio, no Parque Fernando Costa, em Uberaba.

Os autores do pedido argumentam que o maior público é de estrangeiros. Além disso, os shows atraem grande número de pessoas e pode, segundo a petição virtual, facilitar a propagação do coronavírus na cidade. O texto diz ainda que Uberaba não conta com suporte médico para atender a população. Até a noite de ontem, 6.268 pessoas tinham assinado a petição pública. A petição publica pode ser acessada por meio de endereço eletrônico (https://secure.avaaz.org/po/community_petitions/abcz_associacao_brasileira_de_criadores_de_zebu__cancelamento_da_expozebu_2020/?zKtXEpb).

Em contato com a reportagem, o presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu, Rivaldo Machado Borges, informou que, por enquanto, segue sem alteração a programação da ExpoZebu, inclusive os shows no Parque Fernando Costa, programados para o fim de abril. 

Também não está cancelada a Agrishow, tradicional feira de tecnologia agrícola realizada em Ribeirão Preto (SP). O evento permanece marcado para acontecer entre os dias 27 de abril e 1º de maio. A expectativa é de superar os R$2,9 bilhões em negócios.

Postado originalmente por: JM Online – Uberaba

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: