Laço Branco luta pela erradicação da violência contra a mulher

Lançamento da Campanha do Laço Branco, em celebração ao Dia Internacional de Erradicação da Violência Contra a Mulher, foi realizado ontem na praça Rui Barbosa. Durante o evento foram realizados apresentações culturais e pronunciamentos sobre a campanha.
A Campanha Brasileira do Laço Branco tem como objetivo sensibilizar, envolver e mobilizar os homens no engajamento pelo fim da violência contra a mulher. Ela surgiu no Canadá, a partir de um triste episódio em uma escola, quando um rapaz ordenou que os homens se retirassem da sala, permanecendo somente as mulheres. Ele começou a atirar enfurecidamente e assassinou 14 mulheres à queima-roupa. Em seguida, suicidou-se.
Segundo Juciara Moura, gerente do Centro Integrado da Mulher (CIM), o laço branco foi escolhido como símbolo da campanha para demonstrar que as mulheres não devem desistir. “Os números ainda são preocupantes. Mesmo reduzindo-se o número de mulheres que procuram o CIM para denúncias, caiu de 200 para cerca de 100 por mês, a quantidade ainda é alta. Além disso, a redução de denúncias não necessariamente está relacionada à queda de casos de agressão. Pois, em algumas situações, as mulheres não buscam ajuda por medo do agressor”, afirma a gerente.
Assim, para conscientização, durante toda a semana irão acontecer atividades entorno da campanha. No domingo, dia 26, acontece uma Roda de Conversa sobre violência contra a mulher no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU das Artes) no bairro Residencial 2000, das 10h às 11h30. Já no dia 27, a Roda de Conversa será com alunos de medicina da UFTM, no CIM, tanto sobre o tema quanto sobre as ações a serem tomadas e o trabalho feito na unidade.

Postado originalmente por: JM Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: