Servidores da UFTM e do HC reclamam de falta de orientação quanto ao coronavírus

O Sindicato dos Trabalhadores e Técnicos Administradores em Educação da UFTM (Sindttae) emitiu um ofício, nesta terça-feira (17), após receber reclamações de trabalhadores do Hospital de Clínicas e da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). Segundo o documento, os trabalhadores não estariam sendo orientados sobre como proceder nesta hora de crise pandêmica.

"Acreditamos que a responsabilidade central por todos os trabalhadores da UFTM (RJU) é de total autonomia do PRO-RH da UFTM, mesmo tendo um contrato com a EBSERH, portanto, em tempos de crise o RH da Ebserh tem que ser ágil ou não responderá mais pelos anseios dos trabalhadores do RJU, de forma direta ou indireta. Portanto, pedimos a imediata suspensão de todas as atividades laborais na UFTM, isto inclui inclusive os terceirizados e quanto aos valorosos do HC da UFTM que irão trabalhar na linha de frente, exigimos: garantia de escala com margem de segurança, EPI e EPC completos, matérias, insumos, medicamentos para trabalhadores e pacientes entre outros aparatos de segurança para os trabalhadores do HC da UFTM", solicitou Sindicato.

A reportagem do JM Online entrou em contato com a assessoria de comunicação da Universidade e do Hospital e solicitou um posicionamento sobre a questão. A assessoria de comunicação da UFTM encaminhou a seguinte nota:

“Desde o início das discussões acerca do novo coronavírus (COVID-19) a UFTM tem realizado reuniões locais com a equipe de gestão e divulgado para a comunidade por meio do portal institucional e mídias sociais oficiais da UFTM as decisões e medidas adotadas. Os servidores foram orientados pelos setores responsáveis sobre os procedimentos a serem adotados e que estava em fase final de tramitação a resolução com as orientações acerca dos procedimentos que deveriam ser adotados. A UFTM criou uma página onde estão inseridas informações, documentos e ações adotadas no enfrentamento do novo coronavírus (COVID-19). As informações podem ser acessadas no site.”

Segundo documento, a resolução estabelece medidas de caráter temporário visando reduzir exposição pessoal e interações presenciais entre os servidores da UFTM e comunidade universitária, incluindo o replanejamento de rotinas e procedimentos de trabalho, como forma de prevenção aos problemas causados pelo COVID-19.

Confira aqui a resolução completa emitida nesta terça-feira (17).

Postado originalmente por: JM Online – Uberaba

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: