Chapecoense vence ‘revanche’ com o Cruzeiro e lidera o Campeonato Brasileiro

Chapecoense e Cruzeiro se encontraram na última quinta-feira em uma partida tensa, válida pela Copa do Brasil. O jogo terminou em confusão, envolvendo torcida, jogadores e comissões técnicas. Neste domingo, os times estiveram frente a frente novamente. Desta vez, com os ânimos mais calmos. E, ao contrário de quinta-feira, quando o Cruzeiro comemorou a classificação na Copa do Brasil, a Chapecoense levou a melhor no Campeonato Brasileiro. Com gols de Wellington Paulista e Douglas Grolli, a equipe catarinense triunfou por 2 a 0, no Mineirão, pela 4ª rodada do Brasileirão.

O grande resultado fora de casa leva a Chapecoense para a liderança da tabela, com 10 pontos. O Corinthians também soma 10 pontos, mas tem saldo de gols inferior. O Cruzeiro, que conheceu a sua primeira derrota na competição, permanece com sete pontos, caindo para o oitavo lugar.

A Chapecoense abriu o placar neste domingo aos 26 minutos do primeiro tempo. Seijas cruzou a bola na área e Wellington Paulista cabeceou no lado esquerdo para marcar o primeiro gol da Chapecoense no jogo.

No início da segunda etapa, aos 2 minutos, o time catarinense ampliou. Luiz Antônio cobrou escanteio rasteiro fechado e Douglas Grolli apenas completou para a rede.

O time de Mano Menezes deixou o gramado ouvindo: “vergonha, vergonha, vergonha, time sem vergonha”.

O Cruzeiro viaja agora para enfrentar o Bahia, na quinta-feira, na Arena Fonte Nova, às 21h (de Brasília). Já a Chapecoense recebe o Grêmio, na Arena Condá, na quarta, às 21h45.

Primeiro tempo

O confronto entre Cruzeiro e Chapecoense começou movimentado. As equipes buscavam o campo de ataque a todo momento, o que dava a impressão de ser um jogo bom.

A partida, porém, passou muito pela troca de passes e velocidade, mas as jogadas de ataque ficaram comprometidas, sobretudo para o Cruzeiro.

A Chapecoense se mostrava melhor em campo, mais organizada e consciente. O time não ficou somente em seu campo defensivo, saia para o jogo, encarava o Cruzeiro em pleno Mineirão. Não era algo absurdo, entretanto, organizado.

O momento celeste, entretanto, jogando em casa, era ruim. A Raposa não teve chance clara e o problema de Mano Menezes passava pela dificuldade que sua equipe tinha de propor o jogo, algo que foi fundamental para definir o que ocorreu no jogo.

Aos 26, a lei do ex voltou a figurar. Em cruzamento na área, Wellington Paulista subiu sozinho – contando com a falha na marcação do Cruzeiro – e mandou para o fundo das redes.

Ao término da etapa inicial, vaias do torcedor cruzeirense.

Segundo tempo

A Chape voltou querendo decidir logo a partida. No primeiro lance a seu favor, Rossi chutou forte e Fábio foi obrigado a mandar para escanteio. Na cobrança, Douglas Grolli, que está emprestado da Raposa para a Chape, mandou para o fundo das redes.

Após o tento, restou ao Cruzeiro ir todo para o ataque. O técnico Mano Menezes mandou Robinho para dar mais qualidade ao último passe e o time celeste passou a martelar, em busca de chances.

E mesmo depois de tanta pressão, a Chape seguiu tranquila em campo. O time de Vagner Mancini tinha total domínio do jogo, era organizada em campo e não tinha problemas no jogo.

FICHA TÉCNICA:
CRUZEIRO 0 X 2 CHAPECOENSE

Local: Estádio Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Data: 04 de junho, domingo
Horário: 19h00 (de Brasília)
Árbitro: Claudio Francisco Lima Silva (SE)
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Fábio Pereira (TO)
Gols: Wellington Paulista, aos 26 minutos do primeiro tempo, Douglas Grolli, no primeiro minuto do segundo tempo (Chapecoense).
Cartões: Victor Ramos, Rossi, Osman (Chapecoense)

CRUZEIRO: Fábio, Hudson (Lennon), Caicedo, Léo, Diogo Barbosa, Henrique, Ariel Cabral (Robinho), Thiago Neves, Rafinha (Ábila), Alisson e Rafael Marques. Técnico: Mano Menezes.

CHAPECOENSE: Jandrei, Apodi, Douglas Grolli, Victor Ramos, Reinaldo, Girotto, Luiz Antônio, Seijas (Nadson), Rossi, Wellington Paulista (Túlio de Melo) e Artur Caike (Osman). Técnico: Vagner Mancini

 



Postado originalmente por: Minas AM/FM

3 comentários em “Chapecoense vence ‘revanche’ com o Cruzeiro e lidera o Campeonato Brasileiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: