Pedro Cine Fotos
Amirt

Cruzeiro desola Tupi e avança para a grande final do Campeonato Mineiro

Por: Rádio Minas 26/03/2018 9:50

O Cruzeiro avançou às finais do Campeonato Mineiro. A classificação foi garantida após a vitória por 2 a 1, na manhã deste domingo, no Mineirão, em duelo contra o Tupi. A decisão da taça do Campeonato Mineiro acontece nos dois próximos domingos, diante do arquirrival Atlético.

A Raposa entrou em campo com uma ampla vantagem. Já no jogo anterior, jogava por dois empates, mas venceu por 1 a 0. Agora, com o triunfo no duelo passado, poderia até perder. A vitória só confirmou o time que fez a melhor campanha da primeira fase, a Raposa sobrou até agora no Mineiro.

O gol de Thiago Neves, aos 16 minutos do primeiro tempo, colocou o Cruzeiro nas finais. O empate de João Vitor, três minutos depois, fez pouca diferença, já que o Tupi sofreu para se manter em pé na etapa complementar. Quando a equipe de Juiz de Fora cambaleava dentro das quatro linhas, Neves novamente apareceu, tirou totalmente do goleiro e garantiu o acesso com honras.

Primeiro tempo

Os primeiros minutos do duelo entre Cruzeiro e Tupi foram bastante interessantes. Isso porque o Tupi tomou as principais ações em campo, buscando o ataque. A Raposa esperava com tranquilidade por ter a vantagem a seu favor.

Aos 16 minutos, porém, o Cruzeiro conseguiu fazer seu gol. Em um vacilo da saída do Tupi, Thiago Neves recuperou a bola no ataque e tocou para Rafinha, na ponta direita da área. O baixinho rolou para o camisa 30 novamente e a bola só parou no fundo das redes do Mineirão.

O Tupi, porém, não se entregou facilmente. Três minutos após ser batido, também bateu. João Vitor recebeu a bola na direita, aos 19, cortou para dentro e chutou forte. Ao goleiro Rafael restou apenas correr para buscar a bola dentro do gol, já que no pulo, momentos antes, o espaço vazio foi o que ele encontrou.

Aos 25, um momento importante do jogo. Não foi gol, nem lance difícil para todos os lados. O atacante Fred deixou o gramado após machucar o joelho. Esse era o primeiro jogo após a lesão na panturrilha direita, que o tirou de combate por quase um mês.

A saída de Fred e entrada de Raniel deu a equipe do Cruzeiro uma melhorada no ataque. O jovem jogador consegue segurar a bola na frente, tem porte físico para driblar e vem atuando – algo que faz diferença no ritmo de jogo.

O Tupi, por sua vez, perdeu aquela força inicial. Entretanto, ainda assim tinha algumas oportunidades.

O placar não ficou alterado. Já não se pode dizer o mesmo de Thiago Neves. O meia deixou o gramado bastante irritado, lamentando os erros no ataque, as falhas nos passes, os problemas que o Cruzeiro tinha. O camisa 30 ressaltou que, apesar da vantagem, a equipe joga em casa, diante do Mineirão lotado e não pode deixar de colocar seu ritmo em campo.

Segundo tempo

Na volta para a etapa complementar, o duelo ficou bastante travado. O técnico Mano Menezes fez alterações, mas o jogo era muito lento no meio campo.

Fato é que o Tupi não teve oportunidades e se apequenou diante do Cruzeiro. A Raposa, por sua vez, tentava, mas falhava. Em vários momentos, Thiago Neves puxou a bola para frente, mas as finalizações ou iam para fora ou ficavam na zaga.

Quando o jogo estava no ponto mais chato – parecendo que todos estava satisfeitos – o Cruzeiro conseguiu ampliar. Em cruzamento na esquerda, Thiago Neves colocou a cabeça na bola e tirou totalmente o goleiro da jogada.

Fonte: Terra.

Ouça os gols na voz de Garcia Júnior:




Postado originalmente por: Minas AM/FM

%d blogueiros gostam disto: