Em noite de casa cheia, Cruzeiro avança na Libertadores e aguarda Boca ou Libertad

O Cruzeiro avançou às quartas de finais da Libertadores na noite desta quarta-fera (29), em um jogo com grande público no Mineirão, em Belo Horizonte. A equipe mineira perdeu por 1 a 0 o embate contra o Flamengo, no entanto, no jogo de ida a Raposa havia vencido por 2 a 0, o que dava a vantagem para o clube Celeste de jogar por derrota de diferença de um gol.

O Cruzeiro espera o vencedor de Boca Júnior ou Libertad. A partida decisiva será nesta quinta-feira (30). No primeiro jogo, o Boca venceu por 2 a 0, na Argentina.

Primeiro tempo

O técnico Mano Menezes resolveu as questões que perturbavam sua cabeça nos vestiários do Mineirão. Decidiu por entrar com Barcos no ataque, tinha dúvida por Raniel, e colocou Lucas Romero improvisado na lateral, deixando Edilson, jogador contratado para resolver o problema da posição, no banco de reservas.

O duelo começou bastante movimentado. O Cruzeiro tinha uma posse inicial no jogo, conseguindo garantir a redonda e fazer disso mais tempo no campo ofensivo. A equipe celeste utilizava bastante Arrascaeta caindo pela ponta e Thiago Neves mais centralizado. Isso, no entanto, não era fixo.

O Flamengo usava bastante a saída com Diego e Everton Ribeiro. Paquetá também contribuía, mas era mais utilizado buscando a bola na defesa e distribuindo naquela primeira saída de jogo.

Algo que marcou os primeiros minutos de jogo também foram as faltas. Com isso, tinha pouca bola rolando.

Aos 20 minutos o Cruzeiro teve sua melhor oportunidade. Após vacilo de Diego, no meio campo flamenguista, a bola chegou em Thiago Neves que colocou Barcos na cara do gol. O atacante perdeu uma oportunidade de ouro.

Depois do susto, o Flamengo melhorou em campo. A equipe carioca conseguia passar pelos volantes da equipe mineira, envolvia, mas a redonda não passava pela zaga.

Segundo tempo

O Flamengo voltou atento para a etapa complementar. Diante disso, logo aos 4 minutos conseguiu uma chance clara de gol. O jogo ficou aberto.

Aos 12 minutos, o técnico Mano Menezes precisou colocar Edilson em campo, pois Lucas Romero sentiu dores no pé após uma pancada e não conseguiu seguir na partida. O Cruzeiro passou a se fechar. O Flamengo buscava o ataque com mais intensidade, pois o espaço estava aberto.

Aos 24 o Flamengo conseguiu seu primeiro gol. Em cobrança de escanteio, Everton Ribeiro ganha a bola e toca no meio. Léo Duarte coloca a redonda para dentro.

Depois de sofrer o gol, o Cruzeiro passou a buscar mais o ataque. O técnico Mano Menezes percebeu as necessidades e fez alterações, dando mais velocidade ao ataque com a entrada de Rafinha, por exemplo. O Cruzeiro cresceu, mas ainda assim o Flamengo tinha uma atitude mais ousada. Não foi o suficiente.

 

Ouça o gol na narração de Mário Savaget:


O post Flamengo ganha, mas é eliminado da Copa Libertadores apareceu primeiro em Portal MPA.

Postado originalmente por: Minas AM/FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: