Nem Câmara Municipal e nem Prefeitura, prédio do antigo Fórum ficará com o próprio estado.

O governador Fernando Pimentel afastou qualquer interesse de um órgão público em ocupar o antigo prédio do Fórum em Divinópolis na segunda-feira, 31. A pretensão do governo do estado é utilizar o imóvel para abrigar todas as repartições públicas estaduais hoje na cidade.

O anuncio do projeto foi feito por Pimentel durante entrevista exclusiva ao Sistema MPA. As instituições do estado como o UAI e uma unidade da Secretaria de Meio Ambiente, por exemplo, estão hoje em imóveis de aluguel. O prédio que durante vários anos abrigou o poder judiciário seria o destino destas repartições.

Além de unificar todos os serviços em um só espaço, o governo espera ainda gerar economia. A expectativa é de que a mudança reduza os custos de locação de imóveis. A previsão é de gerar um saldo de mais de 1 milhão e meio de reais.

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais inaugurou a nova sede no dia 27 de abril. O prédio foi finalizado após três anos. Desde 2013 quando teve inicio o projeto no bairro Liberdade a Câmara Municipal havia apresentado interesse em transferir o legislativo para a Rua Pernambuco. Na época o interesse foi anunciado pelo então presidente da Casa Rodson Kristnamurt.

No inicio deste ano a prefeitura de Divinópolis também apresentou interesse em utilizar o imóvel. Muitos setores da prefeitura funcionam hoje em prédios alugados. O governo municipal vislumbrava um contrato de comodato que pudesse não gerar custos para o município reduzindo assim mais despesas com aluguéis.

Todos os interesses foram descartados pelo governador. Ele não afirmou em quanto tempo o prédio que já está há quase 4 meses desocupado será reutilizado, porém ele enfatizou que o espaço passará antes por uma reforma.

Postado originalmente por: Minas AM/FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: