Sala Vermelha do HSJD começa a operar em 15 dias

Uma reunião com representantes do HSJD, Secretaria Municipal de Saúde, SAMU e Superintendência Regional de Saúde, apresentou o cronograma de conclusão da Sala Vermelha do Hospital São João de Deus.  A sala terá capacidade tecnológica e profissional para atender o paciente em emergência, classificado pelo protocolo de Manchester em vermelho ou laranja.

A sala vermelha do Hospital São João de deus, assim como as salas vermelhas de outros hospitais que compõem a rede resposta, são retaguardas no serviço móvel de urgência. Previsto para iniciar na segunda quinzena de abril, o SAMU teve a inauguração adiada por falta de recursos. Mesmo assim a sala vermelha do HSJD começa a operar no dia 15 de maio.

Na primeira conclusão da obra estão previstos plantões no SUS e convênio com atendimento nas seguintes especialidades: clínica médica, pediatria, cirurgia geral, cardiologia, anestesiologia, ortopedia, ginecologia e obstetrícia e neurocirurgia. As consultas eletivas só serão liberadas na terceira fase da obra, prevista para o dia 06 de julho.

Como o SAMU ainda não foi inaugurado, o atendimento da sala vermelha será regulado pelo Susfácil. Segundo o executivo do consórcio, 480 profissionais foram capacitados, eles trabalharão na área de cobertura que compreende 54 municípios. Já as bases descentralizadas do SAMU, onde ficarão as ambulâncias, estão localizadas em 23 cidades.

Postado originalmente por: Minas AM/FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: