28 Congresso
Divinópolis e Região

Torcedores contam histórias sobre Cruzeiro e Flamengo, emoção e rivalidade estarão na transmissão da Rádio Minas

Por: Rádio Minas 27/09/2017 20:40

São nove títulos da Copa do Brasil com os dois times e milhões de torcedores. Hoje será decidido a final do campeonato entre Cruzeiro e Flamengo. Com o resultado de 1×1 no primeiro jogo, não existe favorito e muitos torcedores estão muito ansiosos. 

Hélio Júnior – Cruzeirense

De um lado um clube com 122 anos de história e a maior torcida do país. Do outro, um com todo estilo de mineiro, indo sempre pelas beiradas e com 96 anos de surgimento, já conquistou o maior número de sócios torcedores entre os times brasileiros. É claro que estamos falando de Flamengo e Cruzeiro. A final entre os dois times é uma das final mais aguardadas dos últimos anos. 

Hélio Júnior é professor e tem praticamente um altar do cruzeiro em casa. São ingressos, copos, camisas, bandeiras e até um caderno de 1991. Muita gente deve achar que a paixão dele veio do pai, mas não tem nada disso, já que o pai de Hélio é atleticano. O fanatismo pelo clube azul e branco começou por causa do padrinho, que lhe deu uma camisa quando ainda era bem criança. 

Hélio já perdeu as contas de quantas vezes acompanhou jogos do Cruzeiro no estádio. Mas tem sempre um dia que fica marcado: “Em 2000 contra o São Paulo, que o Cruzeiro perdia por 1×0, precisava de virar e fez dois gols faltando 8 minutos”, conta o torcedor. 

Maxwell Romana – Flamenguista

Já o empresário Maxwell Romano, não sabe nem quando essa paixão pelo Flamengo começou. Para ele, a torcida pelo time teve início ainda durante a gestação da mãe e passou de pai para filho. Assim como Hélio, o empresário já foi mais de 100 vezes em estádios para assistir a jogos do time do coração. Mas o ultimo jogo do Campeonato Brasileiro de 2009 ficou eternizado, “Foi só esperar bater os 90 minutos finais, quando o Flamengo se candidatou o campeão brasileiro daquele ano”, conta ele. 

Esses tipos de rivalidades que conhecemos existem há mais de 100 anos desde que os times de futebol surgiram no Brasil. E não é dificil encontrar alguém por aí que torça por um time adversário. E mesmo com o resultado do primeiro jogo, que não favoreceu nenhum dos times, os Hélio e Maxwell arriscam um palpite para hoje. “Tomara que seja como foi da outra 3×1, tranquilo”, diz Hélio. Já Maxwell acredita no time: “Eu sei que ele é capaz de jogar em casa, como fora também. Tenho certeza que vamos sair vitoriosos de lá.”

A final da Copa do Brasil será hoje às 21h45 no Mineirão em Belo Horizonte.

Postado originalmente por: Minas AM/FM

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: