Vôos de Divinópolis para BH não serão retomados

O Governo de Minas Gerais, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) e da Secretaria de Transportes e Obras Públicas (Setop), dá início à quarta fase do Voe Minas Gerais, Projeto de Integração Regional – Modal Aéreo. A partir de 7 de agosto, duas novas cidades passam a receber voos para o Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte: Paracatu e Salinas. O projeto também retorna ao município de Patos de Minas, já atendido em fases anteriores. 

Outra novidade da fase é que Teófilo Otoni, destino mais procurado no projeto, terá voos diretos para Belo Horizonte todos os dias, de segunda a sexta-feira.

Paracatu, no Noroeste do Estado, é um importante polo de mineração e de produção agropecuária. A cidade de Salinas, notória pela fabricação de cachaças, terá voos de acesso à capital e a Araçuaí, conectando o Vale do Jequitinhonha e o Norte de Minas Gerais.

A rota de Patos de Minas havia sido suspensa em junho deste ano devido ao início do fornecimento do serviço na cidade por uma empresa privada. Descontinuada a atividade da iniciativa privada, a operação na rota, que havia apresentado bons resultados anteriormente, foi restabelecida pelo Voe Minas Gerais.

Divinópolis que também teve rota suspensa continuará sem o programa.  A baixa demanda fez com que a cidade fosse retirada do projeto e na nova etapa o município não será contemplado com a retomada dos vôos.  Aeronave chegou a voar com apenas um passageiro quando a rota ainda estava ativa e enfrentou problemas com pousos noturnos devido a falta de estrutura do Aeroporto Brigadeiro Cabral.

O “hub” de voos no Território Norte, que conectava os municípios de Montes Claros, Salinas e Jaíba, não apresentou procura e média de ocupação suficientes para manutenção do projeto nas localidades e será suspenso. O atendimento do Voe Minas Gerais está sendo redirecionado às cidades que apresentaram maior demanda por serviço aéreo nas fases anteriores do projeto.

Os 18 municípios atendidos na quarta fase são: Almenara, Araçuaí, Araxá, Belo Horizonte, Diamantina, Juiz de Fora, Manhuaçu, Paracatu, Passos, Patos de Minas, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Salinas, São João del-Rei, Teófilo Otoni, Ubá, Varginha e Viçosa.

O Voe Minas Gerais é uma iniciativa de fomento ao transporte aéreo regional que tem como fundamento a flexibilidade das rotas, que são desenvolvidas e adaptadas para atender às demandas locais.

A malha completa e as passagens do projeto podem ser obtidas pelo site www.voeminasgerais.com.br.

Voe Minas Gerais

O Voe Minas Gerais foi lançado em agosto de 2016, ligando 12 cidades mineiras ao Aeroporto da Pampulha, na capital. Em novembro do ano passado, outras cinco cidades foram incluídas às rotas, que passaram a ter, além de voos diretos para Belo Horizonte, opções de escala, com voos que ligam os municípios do interior entre si.

Em junho deste ano, o projeto iniciou sua terceira fase, ampliando a atuação no Vale do Jequitinhonha e chegando ao Norte do estado.

Os voos são realizados em aeronaves Cessna Grand Caravan 208 B, que transportam até nove passageiros. O valor das passagens varia de R$ 130 a R$ 700, de acordo com a distância percorrida.

O projeto busca fomentar os negócios locais, desenvolver o turismo, integrar as diversas regiões do estado e facilitar o deslocamento de moradores do interior para Belo Horizonte, permitindo que tenham acesso rápido a eventos e serviços disponíveis na capital. 

Para Minas Gerais, que possui uma área total de quase 600 mil quilômetros quadrados, o investimento na regionalização por meio do transporte aéreo é estratégico para atender a meta de redução das desigualdades nos 17 territórios de desenvolvimento estabelecidos pelo Governo do Estado.

Segundo informações da Secretaria Nacional de Aviação Civil (Anac), Minas Gerais conta com 86 aeródromos públicos. A administração, a manutenção e a exploração dos aeródromos públicos são atribuições da União.

A Setop vem trabalhando em processos de delegação União-Estado, possibilitando investimentos do Governo Estadual em reformas, melhorias e posterior delegação aos municípios ou empresas, para operação e manutenção.

Agência Minas

Postado originalmente por: Minas AM/FM

6 comentários em “Vôos de Divinópolis para BH não serão retomados

  • Avatar
    18 julho , 2019 em 09:08
    Permalink

    Thanks a lot for sharing this with all of us you actually know what you are talking about! Bookmarked. Kindly also visit my site =). We could have a link exchange agreement between us!

  • Avatar
    15 junho , 2019 em 05:24
    Permalink

    Quite easily, the article is in reality the sweetest on that laudable topic. I agree with your conclusions and also will eagerly look forward to your approaching updates. Simply just saying thanks can not just be sufficient, for the incredible lucidity in your writing. I will instantly grab your rss feed to stay privy of any kind of updates. Good work and also much success in your business efforts!

  • Avatar
    29 maio , 2019 em 03:07
    Permalink

    It’s in point of fact a nice and useful piece of info. I’m happy that you shared this helpful information with us. Please stay us informed like this. Thanks for sharing.

  • Avatar
    26 abril , 2019 em 23:32
    Permalink

    I’d must examine with you here. Which is not one thing I often do! I enjoy reading a submit that will make people think. Also, thanks for permitting me to comment!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: