Odontologia do município realizou mais de 600 procedimentos desde o início da pandemia

A Gerência de Odontologia, ligada a Secretaria Municipal de Saúde, criou protocolo de trabalho em razão da pandemia da Covid-19. Desde o dia 20 de março, foram realizados 602 procedimentos clínicos, atendendo 547 pacientes de todo o município. Além disso, parte dos profissionais do setor contribuíram em outras frentes de trabalho no combate ao coronavírus, como fiscalização de comércios, orientação da população sobre o uso de máscaras e 300 procedimentos de coletas (Swab) para teste de PCR em pacientes com suspeita da doença atendidos pela Unidade Covid-19.

Segundo a coordenadora do Centro de Especialidade Odontológica (CEO), Cristiane Alfenas, a partir do dia 20 de março, os atendimentos na Unidade foram exclusivamente de urgência e emergência, para pacientes especiais e também as biópsias, que são coletas de material para investigação de câncer bucal. Em março foram 34 procedimentos, 140 em abril, 242 em maio e 141 até o dia 20 de junho. “Tivemos um número grande de atendimentos, tomando todos os cuidados. Conseguimos atender de forma eficiente tanto pacientes que costumeiramente utilizam a rede pública, como usuários da rede privada que não tiveram atendimento em razão da pandemia”, afirma Cristiane.
Para o responsável pelo setor de Odontologia do município, Gustavo Bellozi, é muito gratificante saber que os profissionais trabalharam de forma tão eficiente a ponto de conseguir atender uma demanda grande de pacientes de urgência e emergência e ainda estar em outras frentes de combate ao coronavírus. “O quadro de profissionais da odontologia é elogiável exatamente por não fugir das suas responsabilidades quando enfrentamos esse grande desafio na saúde”. Ele disse ainda que o melhor de tudo isso é que o trabalho ocorreu sem que nenhum profissional fosse contaminado pelo vírus.
Uso de EPIs e o Protocolo Operacional Padrão (POP)
O setor de odontologia possui um Protocolo Operacional criado especificamente para os atendimentos durante a pandemia. O protocolo foi criado de acordo com a nota técnica 04/2020 da Anvisa. O documento de 6 páginas orienta quanto ao preparo do consultório para atendimento, atendimento de pacientes do grupo de risco, entre outras medidas para proteção dos usuários e profissionais. Por meio da Portaria 71/2020 da Secretaria Municipal de Saúde, também foi implementado um manual de orientação aos profissionais odontólogos no enfrentamento da Covid-19. O manual explica, entre outras questões, como identificar casos suspeitos da doença durante os atendimentos.
Quanto à proteção dos profissionais, Gustavo Belozzi justificou que eles já estão familiarizados no dia a dia com o uso de equipamento de proteção individual para evitar risco de contaminação. Segundo ele, durante a pandemia, dos itens que já eram utilizados pelos profissionais, foram acrescentados apenas o biombo de contenção de aerosol e o protetor facial (face shield). Além disso, a máscara utilizada, que antes era cirúrgica, passou a ser a N95. “O trabalho da odontologia na rede pública de Viçosa também acontece a quatro mãos, o que é um fator de segurança para que não haja nenhum tipo de contaminação. O auxiliar de consultório dentário contribui de forma significativa para reduzir o contato das mãos do odontólogo com ele próprio durante o procedimento, entre outras ações importantes desse profissional que não pode faltar dentro do consultório”, concluiu.

O post Odontologia do município realizou mais de 600 procedimentos desde o início da pandemia apareceu primeiro em Primeiro a Saber.

Postado originalmente por: Rádio Montanhesa

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: