Governo do Amazonas admite que sabia de plano de fuga e reconhece falhas na segurança

O governo do Amazonas admitiu que sabia de um plano de fuga em massa nos presídios do estado e que houve falhas na segurança. O secretário de Segurança Pública, Sérgio Fontes, reconheceu que o sistema falhou em permitir que armas entrassem nos presídios onde ocorreram as rebeliões.

AJUDA

Já o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, alertou que a Secretaria de Segurança do Amazonas já sabia que poderia haver fuga durante o fim de ano, mas que não pediu ajuda nem comunicou o governo federal.

ERROS

O ministro disse também que a morte de 60 presos nos presídios de Manaus foi resultado de uma sucessão de erros. E que mais de 200 presos fugiram, número maior do que os 184 divulgados pelo governo do Amazonas.

COLAPSO

Ontem, a OAB no Amazonas ingressou com ação civil pública contra o estado. De acordo com a OAB, o governo do Amazonas falhou em evitar o colapso que se instalou no sistema penitenciário.

RESCISÃO
Por causa de indícios de irregularidades, o Ministério Público de Contas do Amazonas pediu ao Tribunal de Contas do Estado que sejam rescindidos os contratos com duas empresas que administram os presídios do Estado.

Postado originalmente por: 93 FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: