Ministério do Planejamento diz que 36% do FGTS inativo foram usados para pagar dívidas

O Ministério do Planejamento divulgou estudo que identifica efeitos causados pela liberação de recursos das contas inativas do FGTS na economia. De acordo com o estudo, parte destes recursos (36%) foi utilizada para a quitação de dívidas.
INJEÇÃO
O levantamento tem como referência dados da Caixa Econômica Federal que apontam a injeção de R$ 41,8 bilhões na economia por meio da liberação de inativos do FGTS. Os valores foram sacados entre os dias 10 de março e 12 de julho, a partir de 25 milhões de contas inativas.
CARTÃO
Segundo o Banco Central, houve redução de 4,5% no uso do cheque especial em abril e uma queda no uso do cartão de crédito, de 15,7% em março para 5,7% em abril.

Postado originalmente por: 93 FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: