Consumidor pode denunciar aumento abusivo do combustível

O consumidor que flagrar postos de combustível adotando novos preços em função da greve dos caminhoneiros poderá denunciar a prática ao Procon. De acordo com o órgão, é fundamental juntar à denúncia imagem do cupom fiscal ou, na falta dele, o máximo de informações sobre o estabelecimento (nome/bandeira), endereço, data de compra e preços praticados, se possível com fotos.

A greve dos caminhoneiros entrou, nesta quinta-feira (24), no seu quarto dia e tem provocado uma corrida a postos de gasolinas em algumas cidades. Os motoristas temem que haja desabastecimento. Em Divinópolis a maioria dos postos já estava sem combustíveis na tarde desta quarta-feira (23).

De acordo com o Procon de Divinópolis, aumentar o preço dos combustíveis em razão da greve dos transportadores configura prática abusiva prevista no Código de Proteção e Defesa do Consumidor. O posto que praticar aumento injustificado, além de multa, poderá sofrer a suspensão da venda dos combustíveis ou até mesmo suspensão temporária da sua atividade. Em Divinópolis o Procon funciona de 12h às 17h, na Rua Pernambuco, 60, 9° andar, Centro.

O post Consumidor pode denunciar aumento abusivo do combustível apareceu primeiro em Rádio Sucesso FM.

Postado originalmente por: Sucesso FM

Um comentário em “Consumidor pode denunciar aumento abusivo do combustível

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: