Empresas do Senador Zezé Perrela podem ter lavado dinheiro da JBS

Foto: Revista Forum

O procurador-geral da República Rodrigo Janot apontou, na cota da denúncia – expediente por meio do qual a Procuradoria sugere uma série de novas medidas – por obstrução de Justiça e corrupção passiva contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) que existem ‘fortes indícios’ de lavagem de dinheiro relacionados a empresas do senador Zeze Perrella (PMDB-MG).

A Tapera Participações, que está em nome do filho do parlamentar, foi a destinatária de parte dos R$ 2 milhões entregues pela JBS a Aécio, sustenta Janot. O repasse foi filmado e gravado em ação controlada da Polícia Federal.

Com: Agência Estado e Estado de Minas

Postado originalmente por: Sucesso FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: