Recolhimento de animais soltos nas ruas só deverá efetivamente acontecer a partir da segunda quinzena de janeiro

A lei que determina o recolhimento de animais de grande porte soltos na área urbana de Divinópolis, sancionado pelo prefeito Galileu Machado (PMDB) está em vigor desde o dia 3 de dezembro, quando foi publicado no Diário Oficial dos Municípios, no entanto, a previsão é que os animais soltos nas ruas só comecem a ser recolhidos na segunda quinzena de janeiro de 2019. O trabalho, que era de responsabilidade da Secretaria Municipal de Obras Públicas, passou a ser da Secretaria Municipal de Agronegócios.

Segundo o Secretário de Agronegócios, Hilton Aguiar, a demora no recolhimento dos animais está relacionada a reparos necessários no Horto Florestal, que é para onde os animais serão recolhidos. O local vai passar por limpeza, capina e ainda receber iluminação adequada. Além disso, segundo o secretário, uma equipe de veterinários ainda está sendo preparada para cuidar dos animais durante o tempo de recolhimento.

De acordo com a lei, serão recolhidos equinos, bovinos, suínos e caprinos que estiverem soltos, sem o devido acompanhamento de seus donos. Eles ficarão sob a guarda do Município por até uma semana e passarão por avaliação e cuidados clínicos.

Se identificado, o será multado em R$ 346,45 e em caso de reincidência, a multa dobrará para R$692,90. Também serão cobrados os custos com produtos ou medicamentos usados no tratamento. Caso não seja identificado o dono, o animal deve ir a leilão.

O post Recolhimento de animais soltos nas ruas só deverá efetivamente acontecer a partir da segunda quinzena de janeiro apareceu primeiro em Rádio Sucesso FM.

Postado originalmente por: Sucesso FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: