Projeto de transformação digital facilita acesso a serviços do INSS

Começou a valer na segunda-feira, dia 13 de maio, o serviço on-line que permite que sejam feitos os pedidos de revisão de valor do benefício, de recursos e de cópia de processos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). O contribuinte também vai poder solicitar os serviços por meio do telefone 135. A estimativa do INSS é que atualmente esses serviços levem mais de 70 mil pessoas por mês às agências. “Com as solicitações feitas pela internet ou telefone, pretendemos melhorar o atendimento ao público e poupar trabalho e gastos aos cidadãos que precisam se descolar em busca de uma agência do órgão. Esses serviços representam 72 mil atendimentos mensais nas agências do INSS de todo o Brasil. É importante informar a todos que os demais serviços do INSS também serão transformados ainda no primeiro semestre”, informou o diretor de Atendimento do INSS, Clóvis de Castro Júnior.

A mudança faz parte do projeto de transformação digital implantado pelo INSS para ampliar a oferta de serviços digitais.
O Meu INSS é acessível por meio de computador ou celular. Para usar o serviço é preciso se cadastrar e obter uma senha no próprio site. Também é possível obter a senha no internet banking de instituições da rede credenciada que são Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Caixa, Itaú, Mercantil do Brasil, Santander, Sicoob e Sicredi. Em caso de dúvida, basta ligar para o 135.

Para acessar os serviços de cópia de processo, revisão e recurso basta ir em Agendamentos/Requerimentos, escolher o requerimento ou clicar em Novo Requerimento, atualizar os dados caso seja pedido e, em seguida, escolher a opção Recurso e Revisão ou Processos e Documentos. Este último é para aqueles que buscam uma cópia de processo.
Ao pedir um desses serviços, o segurado será atendido totalmente a distância, sem precisar, como antes, ir à agência para levar documentos e formalizar o pedido. Ele só vai ao INSS se necessário.

A reportagem conversou com a advogada Alcione Rodrigues Fonseca, que é previdenciarista, e avaliou como positiva a mudança. “Agiliza muito o atendimento porque o site do INSS disponibiliza muitas informações, é auto explicativo. No passado, para o segurado ter acesso à cópia de um processo, por exemplo, era necessário um agendamento pelo número de telefone 135 ou mesmo se deslocar até uma agência. Em seguida tinha que voltar para pegar o documento impresso ou mesmo em CD.

Hoje conseguimos receber essa documentação por e-mail. Essa plataforma de agora vem sendo apresentada ao público de forma gradativa é o “Meu INSS” ou INSS digital que passa a ser uma ferramenta muito importante, disponibilizando áreas de acesso exclusiva ao advogado e também tem seu campo específico de navegação para o usuário em geral ”, informou.

A advogada acrescentou que é necessário se atentar na hora de fornecer dados para garantir que a informação seja aquela requerida e surta o efeito desejado de acordo com a legislação. “Sabemos que a internet está disponível em quase todos os lugares, inclusive na zona rural, mas, existem aquelas pessoas que têm dificuldade para lidar com essas novas tecnologias e, nesse caso específico das plataformas disponíveis pelo INSS, muitas vezes é necessário que o usuário tenha um computador e até um scanner para digitalizar os documentos para posterior envio, quando no caso de requerimento. Nessa situação, é importante o segurado buscar apoio de um profissional, um advogado ou mesmo as entidades de classe atuantes no seu município, como é o caso dos sindicatos e afins, para auxiliá-lo nesse processo”, finalizou Alcione Rodrigues Fonseca.

Transformação Digital

A mudança nos serviços representa um dos primeiros resultados do projeto de Transformação Digital pelo qual o INSS está passando e que consiste na ampliação da oferta de serviços digitais para a melhoria do atendimento público. Outras mudanças na forma de prestação dos serviços serão realizadas nos próximos dias e anunciadas amplamente.

“Essas entregas apenas foram possíveis em razão de uma inédita parceria institucional entre INSS, Dataprev, Secretaria de Governo Digital e Secretaria Especial de Modernização do Estado da Presidência, em que juntos, a partir de uma sinergia que beneficiará especialmente o cidadão brasileiro, promoverão a transformação digital do INSS e de todo Governo Federal”, afirmou o presidente do INSS, Renato Vieira.

Klayrton de Souza com informações da Assessoria de Comunicação Social – Sudeste II 

Postado originalmente por: Tribuna do Leste – Manhuaçu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: