Cachaça apreendida pela PRF será transformada em álcool em gel

Foto: PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Juiz de Fora apreendeu, na tarde de segunda-feira (29), 330 litros cachaça de fabricação artesanal sem procedência. O flagrante foi registrado na BR-267, altura do Km 115. O produto apreendido será transformado em álcool em gel e doado para hospitais.

Segundo a PRF, a cachaça era transportada em carro. O condutor, 62 anos, disse que adquiriu a bebida por R$ 580 em um alambique em Visconde do Rio Branco, município distante de Juiz de Fora cerca de 130 quilômetros, e revenderia o produto em Petrópolis (RJ). O idoso confessou que adotou um trajeto em que pudesse desviar dos postos de fiscalização da Polícia Rodoviária Federal. Ele foi liberado após prestar depoimento.

A cachaça era transportada em diversos vasilhames sem qualquer tipo de identificação, selo de inspeção, rótulo ou documentação fiscal, contrariando a legislação que exige registro no Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento para esse tipo de mercadoria.

Foram acionados os órgãos responsáveis e foi dado encaminhamento da ocorrência para a Vigilância Sanitária de Juiz de Fora, para adoção das medidas administrativas pertinentes. Por conta da impossibilidade de descarte dos produtos em aterro sanitário, foi providenciado o encaminhamento da mercadoria para o Instituto Federal do Norte de Minas Gerais, para que a cachaça seja transformada em álcool gel, que será doado para hospitais.

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: