Dois jovens são assassinados em São João Nepomuceno

Dois jovens, de 18 e 21 anos, foram mortos a tiros em São João Nepomuceno, município distante de Juiz de Fora cerca de 60 quilômetros. Os casos ocorreram na quarta-feira (10), em um intervalo de pouco mais de duas horas, entre 17h e 19h30, ambos no Bairro Três Marias. A vítima de 21 anos é suspeita de ter assassinado o rapaz de 18 anos. Com estes casos, sobem para quatro os assassinatos na cidade em menos de 15 dias. A Polícia Civil investiga os episódios violentos. A suspeita é que três dos homicídios estejam relacionados a uma guerra entre os bairros Três Marias e Santa Rita, que teria como pano de fundo o tráfico de drogas. A Polícia Militar segue com policiamento reforçado no município.

De acordo com informações do registro da PM, a sequência de ações criminosas de quarta-feira teve início pouco depois das 17h. Os policiais foram acionados por moradores que escutaram vários tiros em um campo do Bairro Três Marias. Depois dos estampidos, populares teriam visto um indivíduo caído no chão, ao lado de uma moto. Ao chegarem no local, os policiais encontraram o corpo, já coberto, do jovem de 18 anos.

A perícia da Polícia Civil de Juiz de Fora foi acionada e verificou que o rapaz foi alvejado uma vez na região abdominal, duas vezes nas costas e duas vezes na cabeça, uma delas, na orelha direita. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Juiz de Fora. O celular e capacete que pertenceriam a ele foram recolhidos. A moto foi removida por um parente antes da chegada dos policiais.

Testemunhos

Conforme a PM, uma pessoa disse aos militares que havia presenciado a vítima conversando esta semana com o jovem de 21 anos, que seria morto horas mais tarde, e outros dois rapazes. Eles estariam tratando sobre a possibilidade de se apresentarem para a polícia e assumirem a autoria do crime que vitimou um adolescente de 14 anos e deixou outras três pessoas feridas, no último dia 26, no Bairro Santa Rita. Eles teriam se desentendido durante a conversa, e o jovem de 18 anos foi ameaçado de morte. Outro denunciante apontou que a rapaz disse, pouco antes de ser morto, que iria se encontrar com uma pessoa no campo de futebol para receber uma dívida. Populares apontaram o jovem de 21 anos como um dos autores da ação criminosa. Ele teria se escondido após cometer o homicídio do mais novo. Um outro suposto participante do crime não foi pego.

Ainda durante rastreamento pelos suspeitos do crime, os militares receberam a informação que um homem de 31 anos teria discutido com o jovem de 18 anos, que seria seu sobrinho. A PM foi até a casa do homem, que negou ter tido problemas com o rapaz. A PM encontrou no sótão do imóvel uma caixa onde estavam 17 munições de calibre 380. O suspeito negou a posse do material ilícito, mas foi preso em flagrante.

Segundo homicídio teria ligação com o primeiro

Cerca de duas horas mais tarde, a Polícia Militar de São João Nepomuceno foi novamente acionada para atender um caso grave. O jovem de 21 anos que teria participado do homicídio anterior deu entrada no pronto-socorro da cidade com ferimentos provenientes de disparos de arma de fogo. O baleado estava em estado grave quando chegou à unidade de saúde e teria que ser transferido para Juiz de Fora, porém, faleceu pouco depois do primeiro atendimento.

Segundo a Polícia Militar, ele foi alvejado duas vezes na cabeça e uma vez na mão esquerda. Durante atendimento à ocorrência, os policiais receberam a informação de quem seria o autor dos disparos. Foram feitas diligências em um imóvel, mas ninguém foi preso no local. A mesma denúncia apontou que o rapaz morto teria assassinado o jovem de 18 anos.

Polícia Civil aponta ‘guerra entre traficantes’

Até o momento, o estopim para esta explosão de violência em São João Nepomuceno teria sido um tiroteio no último dia 26, no Bairro Santa Rita. Na ocasião, um garoto de 14 anos foi assassinado, e outras três pessoas, baleadas. Eles teriam sido atingidos por engano por motociclistas que passaram atirando por uma via do bairro. A polícia aponta que a situação teria sido causada por uma rivalidade entre os bairro Três Marias e Santa Rita.

Todos os episódios estão sendo apurados pelo delegado Fernando da Silva Miranda. Segundo nota da assessoria da instituição, foram instaurados três inquéritos policiais. “Trata-se de uma guerra interna entre traficantes do bairro Três Marias. Os autores já foram identificados, e estão sendo realizados trabalhos de campo com intuito de localizar os autores”, disse a nota da corporação.

Conforme a Polícia Militar, a cidade está com policiamento reforçado. O comandante da 136ª Companhia, capitão Luiz Eduardo Quirino, uma viatura de Juiz de Fora está dando apoio a ações na cidade. Militares de cidades da região também dão apoio. A PM segue com reforço no policiamento no Três Marias e no Santa Rita. “Ainda não podemos confirmar que tenha sido o jovem de 21 anos morto o autor do assassinado do indivíduo de 18 anos. Essas são informações de populares, a investigação fica a cargo da Polícia Civil. A informação é que teria tido um desacerto entre eles”, comentou.

O post Dois jovens são assassinados em São João Nepomuceno apareceu primeiro em Tribuna de Minas.

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: