Em reunião extraordinária, UFJF decide manter atividades acadêmicas

Após reunião extraordinária do Comitê de Monitoramento e Orientação de Conduta sobre o Covid19 (coronavírus) neste domingo (15), a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) decidiu manter as atividades acadêmicas. Em seu terceiro informe, a instituição justificou que “ações isoladas como o cancelamento de atividades acadêmicas apenas pela UFJF não terão efeito significante no contingenciamento da doença na cidade”. Uma nova reunião deve ocorrer nesta segunda-feira (16), juntamente com representantes da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF).

No documento, a UFJF também aponta o fato de que, até este domingo, Juiz de Fora contava com um caso importado confirmado da doença, enquanto Governador Valadares não apresenta nenhum caso confirmado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG). “Quando houver algum caso de contágio comunitário em Juiz de Fora e/ou Governador Valadares, seguindo as recomendações do Ministério da Saúde, será necessário e inevitável o cancelamento de todas as atividades da UFJF no respectivo campus”.

A instituição reforçou que se reúne diariamente e irá avaliar a situação epidemiológica local, bem como orientar a comunidade acadêmica. Confira o informe na íntegra:

Reunião Comitê COVID19 em 15 de março de 2020.

INFORME NÚMERO 3

Considerando que:

até o presente momento (dia 15 de março de 2020, às 19h) Juiz de Fora possui 1 (um) caso importado confirmado, e Governador Valadares não apresenta casos confirmados de COVID-19 pela Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais;

ações isoladas como o cancelamento de atividades acadêmicas apenas pela UFJF não terão efeito significante no contingenciamento da doença na cidade;

a UFJF está acordando ações com as autoridades locais e, para tanto, agendou reunião para amanhã entre os comitês da UFJF e da Prefeitura de Juiz de Fora;

quando houver algum caso de contágio comunitário em Juiz de Fora e/ou Governador Valadares, seguindo as recomendações do Ministério da Saúde, será necessário e inevitável o cancelamento de todas as atividades da UFJF no respectivo campus;

a Instituição ainda NÃO indica medidas de suspensão de aulas.

Ressaltamos que o comitê se reúne diariamente, e avaliará a situação epidemiológica local e orientará a comunidade acadêmica da Universidade Federal de Juiz de Fora.

O comitê sugere a realização de uma reunião extraordinária do Conselho Superior para discutir os impactos e as medidas administrativas e acadêmicas necessárias para o enfrentamento da epidemia.

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: